Afinando de novo

José Maria Marin chamou os presidentes de clubes da primeira divisão. Alguns estavam conversando sobre a liga brasileira, que poderia modernizar o nosso futebol. Não sei o tema da reunião mas, alguns, estão desistindo de partir para a evolução. A CBF é um atraso de vida, faz tempo. Usa os clubes e retribui bem pouco. É rica e os times pobres, embora ela não sirva para nada. Mesmo assim, parece que, vão afinar novamente. Não sei se por burrice, ou rabo preso, eles tendem a seguirem reféns. Não há nenhuma vantagem na manutenção do estágio atual. A Liga geraria, na pior das hipóteses, nova esperança. E eles só teriam, que se unir e cuidar das próprias vidas. Criar produtos próprios, pensar num campeonato rentável, excursionar, enfim, ganhar o dinheiro que pode ser gerado, se o futebol for bem dirigido. Mas, eles estão optando pela covardia. Não querem, ou não tem capacidade de crescer. Acho que a maioria dos clubes, tão grandes na história, está sendo dirigida por gente pequena demais. A revolução, que precisamos, talvez tenha que começar dentro das agremiações mesmo. Vão conseguir perder a grande chance, que se abre na nossa história, de tranformar as federações em cartórios e a CBF em “cuidadora” das seleções. É vergonhoso, porém, cada um é o que é. Talvez eu tenha imaginado, que os presidentes de clubes  fossem melhores do que são, ou seja, farinha do mesmo saco, que o pessoal das federações e da CBF.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>