Cuidado com o sucesso

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Quando a querida Ponte Preta atingiu os 43 pontos respirei aliviado. Missão, totalmente cumprida em 2012. Com orçamento limitado e patrocinadores menores, é natural que o elenco seja enxuto. E sendo assim, há que se ter uma visão exata de onde o time pode chegar. Disputar dois torneios com o mesmo ímpeto, nesses casos, pode custar caro. Uma das razões do sufoco do Palmeiras, na luta desesperada para não cair, passa pela conquista da Copa do Brasil. Lógico que foi importante e levou a equipe à importantíssima Libertadores do ano que vem. Mas o preço está pesado. O Palmeiras tem um bom time, porém, um elenco bem limitado. As reposições em casos de contusões, suspensões e convocações, que são naturais durante o ano, desequilibram qualquer sistema tático. Em 2010, o Santos, com bom elenco, então, ganhou a Copa do Brasil. O vice, Vitória,  foi rebaixado na sequência. O mesmo drama para os  semifinalistas, Ceará e Avaí. E o Goiás, depois da Libertadores? O próprio Coritiba, já não tão forte em 2012, sofreu para fugir do rebaixamento depois de ser, novamente, finalista da Copa do Brasil, ao lado do Palmeiras, em 2012. Então, é bom tomar cuidado com o sucesso. Quando  você tem um elenco grande, muito dinheiro em caixa, dá para atacar em várias frentes, numa boa. Os clubes mais humildes precisam ter mais cuidado. A Ponte pode disputar a Sul-americana como parece estar virando sonho de consumo por lá e até andar um pouquinho, com fez na Copa do Brasil nesse ano. Depois é bom sossegar. O que interessa é ficar na Primeira Divisão o máximo de tempo possível. O resto é supérfluo. Avante, Macaca e todos os seus iguais. Sei que o Palmeiras está em outro patamar. Hoje, no entanto, lá também o dinheiro anda curto e o prestígio e a organização da mesma forma. Talvez tenha faltado, na hora do embalo rumo ao título nacional, alguém ter pensado nisso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>