Agradável surpresa

Nem acreditei quando li a informação. A Conmebol saiu da sua perene letargia e puniu o Corinthians pela morte do garoto em Oruro. Não por ser o Corinthians, mas por uma postura inédita de uma entidade movida só a interesses financeiros. Parece que novos ares estão chegando. Se puniu o poderoso campeão da Libertadores, por ação de sua torcida, poderá e deverá fazer o mesmo com outros, que igualmente pisem na bola.

Fiquei mais feliz ainda, ao perceber que até os mais fanáticos corintianos entenderam como  justo o afastamento da torcida dos estádios por, pelo menos, 60 dias. Aliás, a postura do Tite e dos jogadores, também, foi sempre elegante durante o incidente.

O vínculo de todos os clubes com esses bandos é evidente. Eles trazem prejuízos financeiros e na imagem, porém, ou por medo, ou comprometimento, ninguém limpa o futebol dessa gente. A atitude forte, que espero vire norma, deixa claro aquilo, que hipocritamente se negava, que os times bancam esses grupelhos, e que passou da hora dos estádios serem saneados deles.

Estou surpreso e ao mesmo tempo contente. O Corinthians, que tem feito um trabalho admirável, pode perder num primeiro momento. Mas, o futebol ganhará bastante se essa mudança de postura perdurar. E a morte do menininho boliviano não será jogada debaixo do tapete, como tantas nos últimos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>