Lusa reclama. Santos vence sem Neymar

Mais uma vez a Portuguesa ficou descontente com a arbitragem e protestou ao término do jogo, ainda dentro do campo em Varginha, onde
o Cruzeiro está mandando seus jogos. Pode ser que a Lusa seja punida pelo desacreditado STJD.

A Portuguesa perdeu por 2 a 0 para o Cruzeiro, mas teve uma jogada que resultou em gol anulada por impedimento de Marcelo Cordeiro, no ínicio da jogada e não na finalização do Bruno Mineiro. Acertou o assistente. No reencontro do goleiro Dida com seu ex-clube Cruzeiro, o goleirão não fez milagres e o Cruzeiro interrompeu um jejum de 7 jogos sem vitórias. O pênalti que o zagueirão Valdomiro fez, no primeiro gol, foi para homenagear o dia da criança. Infantil demais.

Em Campinas a Ponte assustou mas não deu uma de Robin Wood. Começou
perdendo logo aos 4 minutos para o Náutico, que não ganha uma fora dos
Aflitos, mas venceu por 2 a 1. Inspirado, o atacante Luan desarrumou a
defesa pernambucana e em 4 minutos virou o jogo.

E não é que o Santos conseguiu ganhar sem a presença do craque Neymar
Jr. Em pleno Engenhão fez 2 a 0 no Botafogo com Seedorf e tudo. o
clube da estrela solitária também estava desfalcado pela seleção
brasileira. O goleiro Jefferson foi substituído por Renan, que não
falhou mas também não brilhou.

No clássico iluminado pelas lanternas o Figueirense venceu o Atlético
Goianiense por 3 a 1 em Florianópolis. O interessante é que,
independentemente do placar e dos pontos, as duas equipes continuam no
mesmo lugar. Figueirense em penúltimo e o goianos em último.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>