Tentativa válida, resultado previsível

Não houve surpresa. Por nove votos a zero, o pleno do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) negou provimento ao pedido de impugnação de partida feito pelo Palmeiras. O clube não conseguiu provar que o árbitro Francisco Carlos Nascimento cometeu erro de direito ao anular gol (de mão) anotado por Barcos. Como não cabe recurso, está confirmado o placar da derrota Alviverde para o Internacional (2-1).

O resultado do julgamento não invalida os legítimos esforços do clube. Não foram poucos os que se opuseram à tentativa de anular o jogo. Principalmente por interpretarem o processo menos como uma luta pelo respeito às regras do jogo do que como uma forma desesperada de permanecer na Série A do Brasileiro – segundo o matemático Tristão Garcia, as chances de rebaixamento elevam-se a 97%.

Sem entrar no mérito da real motivação palmeirense, a ampla cobertura acordada pela imprensa ao caso atribui-lhe importância que vai além da luta por três pontos no Brasileiro: o tema da discussão resvala, direta ou indiretamente, em questões estruturais tão polêmicas quanto atuais.

Primeiro porque o caso, originado por um juiz incapaz de ver nítido toque de mão, reforça a necessidade de ações para melhorar a arbitragem nacional.

E segundo porque, indiretamente, o imbróglio relançou o debate sobre o uso da tecnologia no futebol. Um tabu para a FIFA e os puristas do jogo; uma necessidade para os defensores de uma suposta modernização da modalidade.

8 comentários em “Tentativa válida, resultado previsível

  1. Abriu-se a caixa de Pandora.

    A partir de agora todos os clubes devem entrar em conluio com as emissoras locais para separarem os lances em que possíveis erros os prejudiquem e avisem sempre ao quarto árbitro, mas NUNCA EM RELAÇÃO AOS ERROS QUE OS BENEFICIEM.

    Vai ficar mais fácil ser mandante de jogos.

  2. qualquer coisa que ameace a cbf ea arbitragem vai dar esse resultado eu como torcedor ja perdi a vontade de torce para seleçao para mim o futebol ja era virou negocio e nao jogo e a mesma coisa da formula 1 nao gasto mais nenhum centavo e muito menos em clube meus pesames pra voceis do futebol jaeraaaaaaaaaaa nao sou palmeirense e par mim tanto faz ganhaer um como ganhar outro e tudo mesma merda o que importa eo brasil eo brasil estana berlinda ainda

  3. vejo um grande, grandíssimo, interesse do palmeiras estar na série B… e esse interese é comercial… vejam nas ultimas semanas, não se fala mais em Fluminense, só se fala em Palmeiras… ora bolas, então o palmeiras na zona de rebaixamento é mais importante que o virtual campeão de 2012 ??!! Aparentemente: SIM! E óbvio: em princípio que se pôs nessa situação foi o próprio Palmeiras, com sua incompetencia administrativa. Mas, a partir disso, coisas estranhas estão acontecendo pra empurrar o time mais pra baixo (coisas estranhas = arbitragens). Já imagino a felicidade da CBF ao comercializar a hoje quase falida Série B,amanhã um grande produto… enfim, o futebol brasileiro hoje não passa de um negócio, 100% negócio. E, sendo assim, e desde já, dou os parabéns ao “BI” campeonato brasileiro da Unimed.

  4. Pericles,
    Pode ter certeza que esse foi um dos melhores comentarios que eu li nos ultimos meses. Você está coberto de razão.
    O Palmeiras foi beneficiado em uma partida contra o Flamengo com um gol impedido. Falam da Copa do Brasil(não vou entrar nesse mérito porque beira a imbecilidade, é só olhar os jogos que o Palmeiras foi claramente prejudicado e a incompetencia do Coritiba nas chances criadas). De resto, em quantas partidas o Palmeiras foi prejudicado? Todos vimos isso durante o campeonato, se não bastasse a incompetencia do elenco em inumeros jogos, ainda fomos muito prejudicados.
    Porem, como você disse, é um enorme produto(ainda mais campeão atual da Copa do Brasil e disputando a Libertadores) pra tentar alavancar novamente a Série B, o que foi iniciado no primeiro rebaixamento do Palmeiras. Quando a série B era falida e começou a ser divulgada e transmitida.

  5. porgue nao se mostram um telao ai nao precisa desses juizes sem vergonha e dessas cbf e da fifa sem vergonha ponha um telao e ai sim bastante time nao seria campeao

  6. CBF altera data de Corinthians x Santos com 22.000 ingressos vendidos !!!

    É um absurdo !!!

    Como podem, vocês da imprensa e nós, TROUXAS (QUER DIZER, TORCEDORES), querer o mínimo de organização no “país do futebol” ?
    Como podemos querer estádios lotados como na Alemanha ou na Inglaterra ?
    Como podemos querer um programa de sócio-torcedor bem sucedido como o do Barcelona ?

    Se no tal “país do futebol”, a entidade nacional máxima que comanda o esporte bretão ALTERA A DATA DE UM JOGO COM MAIS DE 22.000 INGRESSOS VENDIDOS ???

    De um programa de sócio-torcedor inicialmente BEM-SUCEDIDO de um de seus clubes…
    Como pode haver respeito por esta entidade ???
    Como pode haver respeito por sua SELEÇÃO ???
    Eu, na minha profissão, tenho que ter tudo organizado. Assim como tudo está organizado e pensado até anos a frente. Assim como o jogo do dia 25/11/12 estava na minha agenda há meses. O ingresso comprado. E agora, de quem é a culpa ? Do meu clube, por ser organizado DEMAIS e vender 22.000 ingressos de maneira antecipada evitando o caos da bilheteria de anos atrás ? Minha, por ter sido organizado, me planejar, e comprar o ingresso antes ?

    Ou da entidade máxima do futebol nacional ? Como ela é organizada não ? Basta ver o seus calendários. E o tal “subclássico das américas”, um fiasco.

    Agora, FALTA DE RESPEITO TOTAL COM O TORCEDOR QUE COMPRA INGRESSOS, AÍ JÁ É DEMAIS !!!!

    Existe alguma ação contra a CBF que eu possa fazer ???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>