Makau quer novo recorde

Tairua (Nova Zelândia) – Nova York se prepara para mais uma Mega-Maratona no domingo da próxima semana, com 45 mil a 50 mil corredores nas ruas, mas neste domingo, em Frankfurt, uma maratona com menos gente poderá conhecer um novo recorde mundial.

Nova York tem suas atrações peculiares,  como o número de nada menos do que 36 competidores com 80 anos ou mais que estarão competindo. Um deles, Otto Mand, novaiorquino, de exatos 80 anos, já completou 18 maratonas em Nova York e dezenas de outras em outras cidades americanas. Ele se considera um privilegiado, dizendo  ”não tenho problemas nos joelhos”.

Já o queniano Patrick Makau tem um problema. Ele é o atual recordista mundial da Maratona, com 2:03:38, em Berlim, no ano passado, mas seu problema é o de frustração, por não ter sido escolhido para representar seu país na Olimpíada de Londres. Makau desconfia que foi esnobado pelo Comitê Olímpico de Quênia por ter parado na Maratona de Londres (não confundir com a Maratona Olímpica) em abril. Diz porém que nunca recebeu uma explicação oficial e considera sua preterição injusta.

- Eu parei porque estava sentindo uma pequena lesão e queria me poupar para a Maratona Olímpica. Os dirigentes tinham me dito que eu seria escolhido, mesmo que não ganhasse Londres, e acho que não me trataram de uma forma correta.

Agora, Patrck Makau quer vencer a Maratona de Frankfurt com tempo melhor do que o de seu conterrâneo Wilson Kipsang, ganhador no ano passado com 2:03:42, apenas quatro segundos mais lento do que o recorde mundial do próprio Makau. Mais: se possível, Makau quer quebrar seu  recorde. As condições em Frankfurt serão boas para tanto, sem chuva e com temperatura de quatro centígrados na hora da largada, às dez da manhã.

Entre as mulheres, a favorita é a etíope Mamitu Daska, que conseguiu sua melhor marca pessoal, com 2:21:59, exatamente em Frankfurt,  no ano passado. Ela acredita que este ano poderá correr em 2:18 ou 2:19.

Seria um ótimo tempo, é claro, mas ainda sem ameaçar o recorde mundial da inglesa Paula Radcliffe, com 2:15:25. Quando alguém conseguirá melhorar a marca de Paula?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>