Torcendo pelo inimigo

Bristol (EUA) – Vi uma boa parte da fraca partida entre Arsenal e Manchester United, em que ninguém jogou bem, mas que serviu para colocar o ManU na liderança, já que mais tarde o Chelsea deixou escapar sua vitória diante do Swansea City no finzinho.

O curioso é que posteriormente dei uma olhada no The Guardian, jornal publicado em Manchester, e encontrei um e-mail de Jeff Stranks, professor de inglês que mora no Brasil. Por razões que prefere não explicar, ele diz que  adoraria ver o Brasil perder a final da Copa de 2014 para a Argentina e para tanto sugere que Mano Menezes escale ao mesmo tempo David Luiz e André Santos em nossa defesa.

Seria de fato uma receita suicida. Felizmente para nossas cores, a possibilidade de tal dupla aparecer junta é mínima. Rafael é outro que merece ser esquecido.

Desconfio por outro lado que o professor resolveu torcer pela Argentina porque está vendo jeito de que, como vem jogando, a seleção inglesa nem consiga se classificar para a Copa.

Um comentário em “Torcendo pelo inimigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>