Pode estar começando uma história de amor…

Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

A torcida desconfia dele, reclama, mas neste sábado, visivelmente mais magro, Adriano entrou em campo cercado pelos mascotes do time e logo balançou as redes. Foi abraçado pelo time e ovacionado pela torcida. 

Adriano teve marcação cerrada. Cabeceou bonito pro gol e quase marcou o segundo. Saiu aplaudido pela torcida no primeiro tempo.

Nos 45 minutos finais, arriscou uma arrancada, não deu… mas jogou até o final.

O corintiano aprovou seu desempenho e cantou até ficar rouco.

E você, o que achou da atuação dele em campo? O Imperador voltou?

Clássico espetacular!

O empate entre Palmeiras e São Paulo foi espetacular!

Seis gols num jogo desse porte não é sempre que acontece.

Barcos foi uma contratação perfeita. Apesar dos apelidos dados ao atacante, o cara mostrou a que veio e não está para brincadeira.

Leão foi muito feliz nas substituições que realizou no jogo e a equipe conseguiu correr atrás do prejuízo.

No entanto, as defesas de ambos os times apresentaram muitas falhas.

O espaço agora é seu…

Luxa é do Grêmio!

Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press

Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press

Uma semana desempregado. Pois é, Vanderlei Luxemburgo nem teve tempo de esquentar a cabeça e procurar outro emprego porque já foi contratado pelo Grêmio. É a primeira vez que ele dirige um time do Rio Grande do Sul.

Mas ruim mesmo foi a atitude da diretoria do Grêmio que demitiu o Caio Júnior do comando da equipe com apenas oito jogos. Tem como mostrar trabalho em apenas oito partidas? Acho impossível.

E aí, o que vocês acharam da contratação ?

Empate com sabor de vitória!

Foto: AFP

Foto: AFP

O Corinthians começou bem e tinha o domínio da partida, mas foi só tomar o primeiro gol do Deportivo Táchira que o pesadelo parecia recomeçar… Numa saída errada de Júlio César o time venezuelano marcou o primeiro e a partir daí o alvinegro se desencontrou dentro de campo.

Faltou ataque, faltou criação de jogadas e faltaram chutes a gol. O resultado foi o domínio do Deportivo Táchira. Ao fim da primeira etapa Paulinho disse que o Corinthians precisava “ser mais agressivo”. Assino embaixo. Agora é só ir lá e fazer. Segundo tempo começando.

Estou vendo o jogo e escrevendo… SEGUNDO GOL DO TÁCHIRA! Mas foi invalidado. Digo uma coisa: é agora ou nunca pro Coringão, porque ou o time vai se assustar e se abater com esse segundo gol (anulado), ou vai criar coragem e acordar dentro de campo.

Ok, o jogo acabou… Aos 48 minutos do segundo tempo Ralf salvou a pátria para o Corinthians. Tite foi à loucura, os jogadores explodiram de felicidade! Até parecia que tinham conquistado o título! Pois é, essa é a importância da Libertadores para os corintianos e o empate teve gosto de vitória e foi no sofrimento, no desespero, na bacia das almas… Isso é Corinthians e esse é apenas um dos primeiros capítulos dessa nova saga.

Quarta-feira nebulosa para o Peixe

Foto: AFP

Foto: AFP

O Santos decepcionou contra o The Strongest. O jogo começou bem com Henrique fazendo um belo gol de rebote para o Peixe, mas Cristaldo empatou para o adversário. Neymar perdeu lances incríveis, num deles o goleiro até saiu da área e foi driblado pelo atacante, mas gol que é bom, nada!

Elano acertou um chute na trave, mas foi Rodrigo Ramalho quem decretou a vitória do The Strongest. Festa para os bolivianos.

Corinthians ganha de novo!

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Um jogo de fortes emoções. O único gol da partida foi do tão questionado Danilo dando a vitória ao Corinthians. Do outro lado, Jádson não conseguiu marcar na cobrança do pênalti e mandou a  bola pra fora no melhor estilo “Roberto Baggio”.  

Jorge Henrique jogou muito bem. Foi o destaque em campo e a expulsão de João Felipe que chutou o corintiano sem bola foi muito bem aplicada. Deu pra perceber que Leão ficou bravo e decepcionado com o atleta que jogava improvisado na lateal direita.

Enfim, dos últimos quinze clássicos entre as duas equipes o São Paulo venceu só um. Felicidade para os alvinegros, mas com pouco tempo para comemorar, afinal, a próxima batalha é na quarta-feira contra o Deportivo Táchira pela Libertadores.