Gazeta Esportiva

Campeã no salto em distância nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, Maurren Maggi foi homenageada por Geraldo Alckmin, governador do estado de São Paulo, ao lado de outros atletas. Após escalas na Cidade do México e na Cidade do Panamá, nós tambem retornamos ao Brasil. Com este post, agradecemos aos internautas e encerramos as atividades do Blog do Pan.

Superada apenas pelos Estados Unidos nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, parte da delegação cubana retornou ao país na manhã desta segunda-feira. Na bagagem, além de muitas medalhas, os atletas levaram inúmeros eletroeletrônicos, principalmente televisões de última geração.

Com 58 medalhas de ouro, 35 de prata e 43 de bronze, Cuba superou o Brasil, que terminou a competição com 48 títulos, 35 vice-campeonatos e 58 terceiros lugares. Durante a estadia na Vila Pan-americana, os atletas do país centro-americano abusaram do acesso à Internet grátis.

A festa de encerramento dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara diminuiu o público das touradas da “Plaza Nuevo Progreso” no último domingo. Após o final do evento, os portões são abertos para o público tietar os toureiros e tirar fotos dentro da arena. De quebra, as pessoas podem comprar partes dos animais mortos no espetáculo para consumo próprio.

Veja a reportagem completa

Poucos jornalistas conseguiram acompanhar a cerimônia de encerramento dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara no Estádio Omnilife, uma vez que boa parte dos lugares destinados à imprensa foi comercializada para o público.

Constrangida, Claudia Navarro, gerente do Centro de Imprensa, admitiu a falha e sorteou os últimos tíquetes disponíveis entre profissionais de diferentes países algumas horas antes do início da festa.

Encarado como esporte, o pole dance tem vertentes sérias, como fitness, artístico e street. No Pan-americano da modalidade organizado pelo Men’s Club, no entanto, a seriedade passa longe. Para tentar atrair mais clientes durante os Jogos de Guadalajara, o clube masculino promove um sensual e bem-humorado campeonato com disputas semanais entre as bailarinas.

Veja a reportagem completa

Em sua estreia nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, a Seleção Brasileira venceu o Uruguai por 80 a 71, nesta quarta-feira. Por um desentendimento, a equipe entrou em quadra com o escudo da Federação Uruguaia de Basquete coberto por uma tarja preta, algo que deixou seus atletas insatisfeitos.

“Ficamos sabendo que jogaríamos sem o símbolo hoje de manhã. Isso é muito triste e já falamos para os dirigentes que não gostamos. Mas temos que jogar de qualquer maneira e estamos representando o Uruguai, mesmo sem a bandeira no peito”, afirmou Joaquin Osimani.

Como já mostramos durante a nossa cobertura, a “Lucha Libre” é uma tradição no México. Na vitória da Seleção Brasileira por 1 a 0 sobre o time da casa no torneio de futebol feminino dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, uma torcedora acompanhou a partida nas arquibancadas do Estádio Omnilife com uma máscara usada pelos lutadores da modalidade. O triunfo na terça-feira garantiu o time canarinho na decisão contra o Canadá.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

As Fiestas de Octubre são realizadas concomitantemente aos Jogos Pan-americanos de Guadalajara. Proibida no Brasil, a briga de galo é uma tradição no México e costuma fazer parte das comemorações populares. Em Guadalajara, após os combates entre as aves, são realizadas apresentações musicais, o que proporciona uma mistura excêntrica dentro da arena.

Veja a reportagem completa

No mesmo dia em que a seleção mexicana goleou o Uruguai por 5 a 2 e se classificou para a semifinal dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, o Chivas Guadalajara venceu o América por 3 a 1, na Cidade do México, pelo Campeonato Mexicano. Como os dois jogos foram disputados quase no mesmo horário neste domingo, boa parte dos torcedores preferiu acompanhar o clássico entre os clubes pela televisão e depois mudou de canal para ver a seleção nacional.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

A afluência de público nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara pode ser considerada satisfatória até o momento, mas alguns mexicanos não dão muita bola para o evento, os fãs incondicionais da lucha libre. Na Arena Coliseo, um templo da modalidade, acompanhamos os combates de perto.

Veja a reportagem completa