Garcia perde respeito e quer pressão sobre Morales

Até a primeira luta entre eles, as pessoas mal o conheciam. Bastaram apenas seis meses para que o americano Danny Garcia, 24, conquistasse dois títulos mundiais – AMB e CMB – da categoria superleve (63,5k) e, agora, prepara-se para conceder revanche ao mexicano Erik “El Terrible” Morales, 36, marcada para 20 de outubro no Barclays Center, de Brooklyn, estado de New York (EUA).

“Desta vez não terei o mesmo respeito por ele. Atacarei desde o início e lhe baterei com socos duros para fazer meu trabalho”, assinala Garcia (24-0-0, 15 KOs) que, em março, ganhou por pontos de Morales (52-8-0, 36 KOs) para ficar com o cinto CMB e, em junho, nocauteou o britânico Amir Khan para arrebatar o cinturão AMB.

Garcia avalia que o combate será ainda mais interessante que a primeira edição e reconhece que Morales estará mais condicionado por viver seus últimos momentos em competição, desejando outro título mundial. “Sei que ele (Morales) quer derrubar um jovem campeão, mas ele precisa saber que tenho muita fome em manter-me por cima durante muito tempo”, opina o americano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>