Mulher e mãe pressionam e Pacquiao estipula retiro

O desfile nos ringues das qualidades do filipino Manny Pacquiao, 33, não deve durar muito tempo. Pressionado pela mulher e pela mãe, o astro asiático está prestes a anunciar sua aposentadoria, o que deve ocorrer, no máximo, na próxima temporada. Pacquiao tem previsão de atuar em 8 de dezembro no MGM de Las Vegas, estado de Nevada (EUA) e seu mais provável adversário é o mexicano Juan Manuel Marquez, com quem já travou três controversas batalhas.

“Minha mulher e minha mãe querem me ver logo fora do boxe. Elas são experientes e, além disso, minha mulher não gosta de ficar muito tempo longe de casa devido aos treinamentos para as lutas”, explica Pacquiao (54-4-2, 38 KOs). O baixo rendimento do filipino na derrota para Timothy Bradley, em junho, contribuiu para a análise do retiro, do mesmo modo como o tempo para as atividades políticas e os estudos bíblicos.

Campeão mundial em sete (*) categorias de peso diferentes, Pacquiao destaca que a família tem preocupação com sua saúde e não gostaria de vê-lo sofrer ferimentos desnecessários. Depois do hipotético quarto confronto com Marquez, o astro asiático não esconde o desejo de protagonizar o megacombate milionário com o americano Floyd Mayweather antes de deixar definitivamente o esporte.

(*) Por critério, nós computamos apenas os títulos conquistados pelos lutadores por um dos quatro principais organismos mundiais – AMB, CMB, OMB e FIB. Desse modo, nós não contabilizamos o cinturão IBO obtido por Pacquiao frente a Ricky Hatton, em 2009, pela divisão superleve (63,5k) – mas o asiático conta como seu oitavo cinturão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>