Mulher insiste na decisão de Marquez deixar esporte

“Sei que a posição é difícil, mas não volto atrás. Já pedi a ele para deixar o esporte”. Firme em sua opinião, Erika Marquez, mulher do ídolo mexicano Juan Manuel Marquez, 39, não quer ver o marido mais uma vez no ringue, mesmo reconhecendo as tentadoras ofertas financeiras para a realização da quinta batalha com o filipino Manny Pacquiao. O azteca impôs duro nocaute ao astro asiático no último dia 8, em Las Vegas (Nevada, EUA).

Erika confessa que sempre se mostrou nervosa ao assistir os combates do marido e, há poucas semanas, não foi exceção. Ela ficou ainda mais assustada quando viu o choro de Jinkee, mulher de Pacquiao, que tentava desesperadamente subir ao ringue para auxiliar o filipino, imóvel, com o rosto no chão e os braços para trás.

“Ela (Jinkee) temia o pior. Eu vi o que ela sentiu, refleti e compreendi seus sentimentos”, descreve Erika Marquez que espera ver o marido se aposentar com os sentidos intactos e coberto de glória. Do lado contrário, o filho mais velho do casal, Aldo, prefere apoiar o pai para mais um combate.

Convencer

Ainda sem declaração definitiva, Marquez (55-6-1, 40 KOs) não deixa de pensar um só dia sobre a possibilidade de manter-se em competição para encarar o rival Pacquiao (54-5-2, 38 KOs). “Quando eu tomar uma decisão será final. Não quero ser alguém que se aposenta e depois volta atrás. Estou conversando com minha mulher e tentando convencê-la a me deixar lutar mais uma vez”, esclarece o azteca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>