Holyfield dá palestra para ajudar a combater o bullying

Divulgação

Divulgação

Vítima de bullying na infância, pela dificuldade em aprender a ler nos tempos da escola, o lendário peso pesado Evander Holyfield, 50, quer fazer sua parte para acabar com o comportamento preconceituoso e violento que se espalha cada vez pelo mundo. Amanhã, o antigo quatro vezes campeão mundial da divisão máxima do esporte estará concedendo palestra em Vancouver (Canadá), sensibilizado ainda mais pelo suicídio cometido por uma adolescente depois de passar anos sendo “atacada”.

“Isso (bullying) tem de parar”, desabafa Holyfield, apelando também para maior atenção das famílias para detectar o problema em suas próprias casas. “É muito importante que os pais sejam capazes de fazer com que seus filhos vivam suas vidas, sem pressões, preconceitos e violência”, destaca.

Quando criança, Holyfield enfrentou provocações pela dificuldade com a leitura, contudo, sua mãe teve papel primordial para que ele superasse o obstáculo. “Eu chorava, mas minha mãe insistia para eu voltar à escola, perserverar e manter a calma. Ela dizia que levaria tempo, mas eu aprenderia a ler”, relembra emocionado.

Detentor de cinco cinturões mundiais – um pelos cruzadores (à época 86,1k) e quatro pelos pesados -, Holyfield acredita que os ensinamentos e as palavras da mãe contribuíram para ele alcançasse sucesso no esporte. “Quando em idade jovem se aprende a enfrentar seus medos, pode ser o ponto de diferença entre as pessoas que são campeãs na vida e as que jamais serão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>