Gamboa opta por silêncio sobre suspeita de doping

Os advogados estão estudando alguma forma de processo judicial contra os denunciadores e, por enquanto, sugerem ao cubano Yuriorkis Gamboa, 31, evitar qualquer declaração à imprensa sobre o suposto esquema de utilização de substâncias proibidas para melhoria de desempenho. Nas últimas horas, o caribenho teve seu nome encontrado em anotações na clínica Biogenesis de Miami (Flórida, EUA), revelando indicações de consumo de produtos ilícitos. O local comandado por Anthony Bosch, e que se autoproclamava clínica especializada em antienvelhecimento, já está fechado.

“Estou próximo de Gamboa desde o momento em que ele chegou a este país (EUA) e iniciou sua carreira profissional e posso dizer que nunca conheci esse homem (Anthony Bosch)”, aponta Tony Gonzalez, advogado do boxeador. O profissional prefere não indicar os caminhos jurídicos a serem adotados no caso, mas amigos já confirmaram que Gamboa (22-0-0, 16 KOs) esteve mesmo na clínica em busca de suporte nutricional e não para consumir esteroides e outras drogas para construir seu corpo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>