Sem perspectivas, Holyfield indica fim de carreira

Kevin C. Cox/AFP

Kevin C. Cox/AFP

A declaração foi informal e retrata o estado de espírito do americano Evander Holyfield, 50. Em contato com os jornalistas durante a promoção do molho de churrasco que leva seu apelido – em supermercado na cidade de Chicago (estado de Illinois, EUA) -, o veterano lutador insinuou que nunca mais subirá ao ringue, pois os dois detentores dos títulos dos pesados se recusam a trocar golpes com ele.

“Agora que os irmãos Klitschko confirmaram que não querem me enfrentar, eu posso dizer que minha carreira acabou”, deixou escapar Holyfield (44-10-2, 29 KOs) que contou com a presença do lendário Mike Tyson durante a cerimônia. Vitali e Wladimir Klitschko foram parceiros de sparring do veterano ianque em 1998, não se imaginam em qualquer combate com ele, pois qualificam Holyfield como “um herói”.

Um comentário em “Sem perspectivas, Holyfield indica fim de carreira

  1. SERIA INTERESSANTE ESSA LUTA, MAIS ELE NÃO TEM CHANCE CONTRA NENHUM DOS DOIS, SERIA MASSACRADO, É MELHOR PARAR SEM SER ESPANCADO, WLW! O WLAD TEM QUE DECIDIR LOGO, UMA DEMORA DESNECESSÁRIA NESSA DECISÃO, IMPORTANTE SERÁ O POVETKIN, WLW!!!!!!!111

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>