Super Esporte em novo horário

Fala turma, o post de hoje não é sobre um time, rodada ou jogador. A cornetada ficará para próxima, porquê o assunto é o Super Esporte.

Na próxima segunda-feira, 2 de Abril, o programa estará em novo horário e com mais 15 minutos de arte, ou seja, entraremos na sua casa ao meio dia e serão 30 minutos de informação, credibilidade, convidados, novos quadros, surpresas e tudo isso com aquela diversão que vocês estão acostumados.

Assim como eu postei no meu twitter, faço questão de deixar registrado aqui no blog o meu muito obrigado a cada um de vocês. O Super Esporte está no ar desde o dia 7 de Junho de 2010 e este horário do almoço sempre foi uma vontade de todos nós. Conto com vocês na segunda-feira. Vem aí, Super Esporte a partir do meio dia.

Emoção do Timão

Assistir uma partida do Corinthians é realmente emocionante.

Paulinho, Ralf, Jorge Henrique fizeram a diferença em campo contra o Cruz Azul do México. Jogadores  que não desistem das bolas, buscam a marcação lá na frente e dão o ritmo ao jogo. Característica que há um bom tempo vem prevalecendo no elenco.

Concordo com você torcedor que em alguns momentos, a equipe do técnico Tite sofre alguns apagões e esquece que é preciso fazer mais gols para a tranquilidade reinar em campo, mas muitos dizem que na Libertadores o importante é o resultado. Ele veio como planejado e hoje graças ao belo futebol apresentado e ao gol de Danilo,  o Corinthians está em primeiro lugar no grupo 6 com 8 pontos, seguido por Cruz Azul (7), Nacional-PAR (3), Deportivo Táchira(1).

O sonho pode se tornar realidade se todos os jogadores entrarem em campo com a mesma pegada desta última quarta-feira nas demais partidas.

O império caiu

Triste fim para um jogador que tinha tudo na mão, mas não soube aproveitar a oportunidade que um grande clube estava dando e disponibilizando grandes profissionais para a sua recuperação. Não só física, mas principalmente psicológica.
O Corinthians foi pai, mãe, tio e avó para o jogador. Os erros aconteciam frequentemente e nem por isso, o Timão desistiu logo de primeira. Foi muito paciente, fez vistas grossas e criou várias maneiras de ajudar aquele jogador que não conseguia perder peso e muito menos acreditar na própria capacidade.

O grande problema foi que o Corinthians acreditou que existia futebol no ex-Imperador, na verdade aquele profissional ficou para trás, e desde a sua saída da Roma ele não se encontrou nos gramados.

Torcedores, profissionais e comissão técnica já estavam preparados para a notícia, o que pegou todo mundo de surpresa foi a maneira não tão clara do motivo da saída. Do histórico não há o que discutir, mas fica uma pergunta no ar pelo fato da rescisão de contrato ter acontecido depois de um final de semana, e antes do jogo contra o Cruz Azul pela Libertadores.

Na “rádio peão” existe a possibilidade da contratação de Adriano pelo Flamengo, mas se eu fosse o cartola, neste caso deixaria esse “problema” de lado e iria procurar um jogador que foi ou é um grande craque para o meu time.

Elenco corintiano

A última quarta-feira(07/03) foi espetacular. Goleada do Barcelona em cima do Bayer Leverkusen com show de Lionel Messi guardando 5 gols, show também do futuro melhor do mundo, Neymar que marcou 3, sendo 2 golaços contra o Internacional na Libertadores, Fluminense ganhando do Boca Juniors na Bombonera e acabando com a invencibilidade de 36 jogos do time argentino, o São Paulo estreando com vitória em cima do Independente-PA na Copa do Brasil e o Corinthians vencendo o Nacional do Paraguai no Pacaembu.

O Timão mesmo com alguns desfalques fez uma boa partida, mas poderia ter marcado mais gols. Diante de sua torcida e com um futebol mais leve, depois de ter passado pela estreia da competição, a equipe do técnico Tite aproveitou o passe de bola ,dominou a partida e criou boas chances de gol. Em alguns momentos parecia que o resultado inicial estava de bom tamanho, mas não cometeram o erro e foram atrás do segundo gol.

O time que entrou em campo convenceu, e desde o ano passado o que mais evidência nesta equipe é o elenco. Peças de reposição que sabem fazer muito bem a lição de casa.

Iate verde

O Palmeiras tem motivos de sobra para comemorar. São 16 jogos de invencibilidade, está em segundo lugar no campeonato e fez um investimento certo. O atacante argentino Barcos já se transformou no homem de referência para equipe verde. Marcou mais dois gols e vem mostrando entrosamento com o time e principalmente com Maikon Leite. O elenco toca bola, cria oportunidades, tem velocidade e um objetivo claro, fazer o gol.

Hoje o Palmeiras tem um grupo com condições de conquistar  títulos, depois de alguns anos na seca, e é um forte candidato, junto com o São Paulo, a levar o Paulistão.

Destaco também nesta nova fase do Verdão, o bombeiro César Sampaio que chegou no fim do ano passado e colocou ordem na bagunça que estava bastidores. Brigas, problemas e discussões com certeza ainda existem no clube, mas hoje tudo isso é tratado internamente e os atletas são blindados para ninguém perder o foco.

O próximo confronto será no domingo contra o São Caetano no Pacaembu.