Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Emerson se atrasa e interrompe treino do Corinthians com helicóptero

Helder Júnior São Paulo (SP)

Um barulho interrompeu o treinamento regenerativo, com bola, que o Corinthians realizava por volta de 17h30 (de Brasília) desta segunda-feira. Alguns jogadores começaram a olhar para trás e para o alto. Passaram a gargalhar. Um helicóptero pousava em um campo aos fundos do CT Joaquim Grava, onde o atacante Emerson desembarcaria.

Emerson foi para o Rio de Janeiro, sua cidade natal, após o empate por 2 a 2 em amistoso disputado contra o Flamengo em Londrina, no domingo. O Sheik avisou à comissão técnica que não conseguiria se reapresentar no horário combinado (o treino começou às 17 horas) nesta segunda-feira e recorreu ao helicóptero para retornar a São Paulo.

Por causa do atraso, Emerson precisará pagar uma multa, a tradicional "caixinha", embora tenha divertido seus companheiros. "Ei, c...!", precisou gritar o preparador físico Fabio Mahseredjian, quando percebeu que os jogadores do Corinthians haviam parado de treinar para rir da atitude do Sheik.

Em menos de cinco minutos, o irreverente Emerson vestiu o uniforme de treinos e juntou-se aos seus companheiros no gramado do CT. No domingo, contra o Flamengo (seu clube de coração), ele já havia polemizado ao aplicar um chapéu no desafeto Renato Abreu, com quem se desentendeu em jogo válido pelo último Campeonato Brasileiro.

Djalma Vassão/Gazeta Press
O atrasado Emerson Sheik foi o centro das atenções da reapresentação do Corinthians

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade