Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Com esperança em jogo, Ceni retorna ao São Paulo contra o Flamengo

William Correia e Gazeta Press São Paulo (SP)

O Morumbi será às 16 horas (de Brasília) o palco de um duelo por esperança de dois grandes clubes em temporada irregular. Dentro de casa, o São Paulo terá a volta de Rogério Ceni após seis meses parado por lesão como ânimo para encarar um Flamengo que inicia nova era sob o comando de Dorival Júnior.

Se o novo técnico fará o seu segundo jogo no comando da equipe rubro-negra, o ídolo são-paulino atuará pela primeira vez na temporada, já que passou mais de um semestre se recuperando de cirurgia no ombro direito. Com uma promessa de trégua da torcida, que vaiou o time no último compromisso em casa, a expectativa é de que a equipe prove seu valor.

“Será um dia de muita alegria. Mas vamos ver se a alegria se transforma em resultado, que é o que mais importa no jogo deste domingo”, discursou Rogério Ceni, comparando a situação de seu time, sétimo colocado no Brasileiro com 19 pontos, à do rival deste domingo, em décimo lugar com 16. “O Flamengo vive um momento relativamente parecido com o nosso. E nós precisamos reverter este quadro com vitória.”

Luiz Pires/VIPCOMM
Rogério Ceni volta a jogar depois de seis meses se recuperando de cirurgia no ombro direito
No caso do Tricolor, é necessário iniciar uma arrancada. O clube já começou a 13ª rodada a cinco pontos da faixa que garante vaga na Libertadores, que é considerada uma obrigação pela diretoria nesta temporada, independentemente de ser conquistada na liga nacional ou na Copa Sul-americana.

Em campo, após a derrota por 1 a 0 para o Vasco na última aparição no Morumbi, o time venceu a primeira com Ney Franco ao bater o Figueirense, mas levou 4 a 3 do Atlético-GO, tirando o rival da última posição do Brasileiro. Como esperança, além de Ceni, o técnico poderá contar também com Luis Fabiano, de volta após duas rodadas vetado por contratura na coxa esquerda.

O centroavante é outro detalhe a ser ressaltado na partida, já que tem se desentendido com a principal organizada do clube, que o chama de pipoqueiro e promete um “bandeirão Fabuloso”, além de manifestação de apoio à equipe inteira nos arredores do estádio antes da partida.

Mas Ceni está esperançoso. “Estamos saindo 12 pontos atrás do líder. Temos que mirar sempre a liderança, mas vislumbrando primeiro o próximo jogo”, disse o goleiro, em palavras similares à de Ney Franco, que em campo só tem dúvida entre o 4-4-2 e o 3-5-2, com Rodrigo Caio substituindo o suspenso Douglas na ala direita ou atuando no meio-campo, com João Filipe, de volta à escalação, podendo ser lateral.

“Enfrentaremos uma equipe com troca de treinador, isso dá gás novo a um grupo desmotivado que vê a troca como uma possibilidade. Aumenta o grau de dificuldade. Mas vamos jogar em casa, temos que passar por cima de tudo. O São Paulo precisa voltar a ser forte em casa, não pode passar por uma situação desagradável”, falou o técnico.

No Flamengo, Dorival Júnior teve pouco tempo para trabalhar com o elenco. Mesmo assim, o treinador promoveu uma mudança na equipe. O jovem Mattheus perde sua vaga para a entrada de Camacho. Já Adryan segue como titular e, desta forma, jogadores experientes como Renato Abreu e Bottinelli vão permanecer como opção no banco de reservas para o decorrer do confronto.

Fábio Borges/Vipcomm
Após estrear empatando sem gols com a Portuguesa, Dorival Júnior comandará seu segundo jogo no Flamengo
"Contra a Portuguesa, não jogamos coletivamente, deixamos espaços e corremos de maneira excessiva com a bola. Existem fatores que complicam nosso caminho. Mas trabalharemos com muita intensidade para corrigir esses erros", prometeu o técnico.

O volante Luiz Antonio garantiu que a chegada do novo comandante vai dar motivação para que os jogadores tentem mostrar mais em campo. O meio-campista espera que a equipe possa se reabilitar no fim de semana contra o São Paulo. "A mudança do treinador aumentou um pouco a nossa vontade, mas não conseguimos vencer. Agora é levantar a cabeça e pensar no São Paulo. Será difícil, mas podemos vencer no Morumbi", destacou.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X FLAMENGO

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 29 de julho de 2012, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Adailton José de Jesus Silva (BA)
Assistentes adicionais: Wilton Pereira Sampaio (GO) e Edivaldo Elias da Silva (PR)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; João Filipe, Rafael Toloi e Rhodolfo; Rodrigo Caio, Denilson, Maicon, Jadson e Cortez; Ademilson e Luis Fabiano
Técnico: Ney Franco

FLAMENGO: Paulo Victor; Leonardo Moura, Wellinton, Marcos González e Ramon; Airton, Luiz Antônio, Ibson e Camacho; Adryan e Vagner Love
Técnico: Dorival Júnior

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade