Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Luis Fabiano participa de atividade técnica e deve jogar no domingo

William Correia São Paulo (SP)

Desfalque dos dois últimos jogos do São Paulo por contratura na coxa esquerda, Luis Fabiano deve ser confirmado como titular contra o Flamengo. O jogador participou normalmente de atividade técnica na manhã desta sexta-feira, no CT da Barra Funda, e como previsto pelos médicos, deve estar liberado para a partida de domingo, no Morumbi.

O centroavante atuou integralmente em um trabalho curioso, e sem os titulares da derrota de quarta-feira para o Atlético-GO – estes apenas correram em torno do gramado. Os reservas foram separados em dois times em campo reduzido, com três gols, sendo que um estava de costas para o outro.

Em nenhum momento Luis Fabiano aparentou sentir dores no local em que foi constatado um edema após a derrota para o Vasco, há nove dias, quando ele se queixou de dores ainda no intervalo e deixou o Morumbi irritado com parte da torcida, que o chamou de pipoqueiro – chegou a dizer que “repensaria” sua situação no clube, mas se reuniu com a diretoria e sua saída está descartada.

Luiz Pires/VIPCOMM
Centroavante ficou fora das duas últimas partida por conta de uma contratura muscular, mas já não sente dores
Ney Franco deve confirmar a titularidade do camisa 9 que aumenta os problemas na sua relação com a principal torcida organizada são-paulina. A Tricolor Independente ironizou o fato de o time ter vencido o Figueirense no último domingo sem a presença do artilheiro e tem prometido o que chama de “bandeirão Fabuloso”. O reencontro entre ambos será no domingo, contra o Flamengo.

Com Luis Fabiano, Willian José é o mais provável nome a ser sacado da equipe. Casemiro e Douglas, suspensos, não estão à disposição do técnico, que pode optar por Lucas Farias, de 17 anos, na lateral direita, ou improvisar o volante Rodrigo Caio, até sacando o zagueiro Edson Silva com a entrada de Cícero no meio-campo em um 4-4-2. João Filipe, que volta após cumprir gancho por amarelos, também pode jogar.

Quem está sempre bem cotado com a torcida, mas ainda não deve rever seus admiradores é Rogério Ceni. Como tem ocorrido nas últimas semanas, o goleiro trabalhou normalmente, já sem tantas limitações de movimento como antes, mas, como tem relatado dores à comissão técnica, deve adiar sua estreia na temporada para o dia 5, contra o Sport, no Morumbi.

O camisa 01, de 39 anos, operou o ombro direito há exatamente seis meses, prazo estimado para o seu retorno no momento da intervenção cirúrgica. Sua volta aos gramados, contudo, é adotada com cautela, inclusive com insistência dos membros da comissão técnica para que o ídolo, ávido por ser escalado no último ano do atual contrato, contenha sua vontade de ficar à disposição.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade