Futebol Internacional/Copa Sul-americana 2012 - ( - Atualizado )

Recoba sai do banco para classificar Nacional na Sul-Americana

Montevidéu (Uruguai)

O Nacional tinha a missão de fazer três gols no Deportes Iquique e não tomar nenhum em casa para conseguir passar na Copa Sul-americana. E a equipe uruguaia conseguiu. Com gols de Rolín, Bueno Recoba e Vecino, os atuais campeões do Uruguai puderam comemorar o 4 a 0 e a classificação na noite desta quarta, no estádio Parque Central.

Os chilenos haviam vencido por 2 a 0 em Iquique e podiam jogar até mesmo por uma derrota simples ou qualquer outra desde que fizessem gols. Mas a superioridade do time do Uruguai prevaleceu, com uma ajuda.

Logo aos seis minutos de partida, o Nacional marcou o primeiro com o zagueiro Rolín. Após cruzamento, o jogador uruguaio subiu mais alto que a defesa e cabeceou para o gol.

Os atuais campeões uruguaios, que precisavam de mais um gol, continuavam insistindo nas bolas lançadas à área, mas levavam perigo. Enquanto isso, os chilenos do Deportes Iquique apostava nos contra-ataques, pois tinham a vantagem construída em casa.

AFP
Álvaro Recoba, meia de Internazionale e da seleção uruguaia, fez o terceiro gol do Nacional

Aos 46 do primeiro tempo, a insistência de do Nacional rendeu frutos. O camisa 9 Bueno fez boa jogada pela jogada pela esquerda e finalizou com muita competência para fazer 2 a 0.

Durante quase toda a segunda etapa, o Iquique conseguiu se defender e impedir o Nacional de marcar o terceiro e garantir a classificação. Os chilenos pareciam satisfeitos em levar o duelo para os pênaltis.

Só que 5 minutos antes do final da partida, a estrela de Álvaro Recoba brilhou para garantir a classificação da equipe. O meia, que entrara sete minutos antes, mostrou categoria em cobrança de falta e, da meia-lua, não deu chances a Naranjo. Já nos acréscimos, Vecino ampliou com chute fatal de dentro da área para sacramentar a vaga uruguaia.

O Nacional, agora, aguarda a definição do adversário na segunda fase da Copa Sul-americana. Liga de Loja-ECU e Monagas-VEN decidem nesta quarta-feira quem avança para encarar a equipe do Uruguai. Os equatorianos têm a vantagem de terem vencido na Venezuela por 2 a 0 e podem até perder por um gols de diferença.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade