Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Marcelo Oliveira aposta em recuperação do Coxa no segundo turno

Curitiba (PR)

A brusca queda de rendimento apresentada pelo Coritiba após o vice-campeonato na Copa do Brasil deixou os torcedores preocupados para a sequência do Brasileirão. Após golear o Cruzeiro por 4 a 0 no último final de semana, o técnico Marcelo Oliveira arma o time para enfrentar o Figueirense neste domingo para tentar encerrar com vitória o primeiro turno “abaixo”.

Beirando a zona de rebaixamento, a equipe ainda foi eliminada pelo o Grêmio na Copa Sul-americana com gol no último minuto, mas o treinador acredita que a meta imposta pela diretoria para encerrar a competição nacional entre os oito primeiros colocados pode ser alcançada. A começar pela vitória sobre os catarinenses.

“Não chegamos a pontuação que pretendíamos, estamos abaixo. Desperdiçamos oportunidades, principalmente nos jogos em casa. Por outro lado, pelos três últimos jogos, fizemos nove gols e levamos apenas quatro. Nos dá uma esperança muito grande para finalizar o turno bem e começar ainda melhor o segundo”, afirmou.

Sem poder contar com o lateral esquerdo Lucas Mendes e os atacantes Thiago Primão e Roberto, que deixaram o duelo contra o Grêmio acusando dores, Oliveira ainda não terá os retornos do zagueiro Emerson e do atacante Everton, ambos tratando de lesões.

Para o técnico, o excesso de desfalques na defesa vem dificultando a organização do setor, facilitando a vida para os adversários. “São problemas das mudanças constantes. Não só na defesa como no meio campo não só de cartão amarelo, mas em função de contusões constantes. O Willian ficou fora duas vezes, o Pereira ficou fora, o Emerson está fora algum tempo”, finalizou.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade