Futebol/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Antes de clássico, Dorival faz treino com portas fechadas no Mengão

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo começou nesta sexta-feira a sua preparação para o clássico deste domingo contra o Vasco, às 18h30, no Engenhão, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para a surpresa dos jornalistas que fazem a cobertura do clube, o treinador determinou que a entrada da imprensa fosse impedida nos primeiros noventa minutos de atividades. Somente depois de uma hora e meia de treino que os repórteres e cinegrafistas puderam entrar no Ninho do Urubu.

A prática, muito comum quando Joel Santana era o treinador do Flamengo, foi deixada de lado por Dorival Júnior e o retorno dela surpreendeu os jornalistas, uma vez que o treinador praticamente tinha revelado a escalação para o clássico. Logo depois da derrota de 1 a 0 para o Palmeiras, Dorival disse que mexeria o menos possível na formação, já que está disposto a dar entrosamento ao grupo.

O comandante confirmou apenas duas modificações, já que terá o retorno do zagueiro chileno Marcos González e do volante paraguaio Víctor Cáceres, que estavam servindo as suas respectivas seleções em amistosos internacionais. O primeiro vai ocupar a vaga de Marllon, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Verdão, enquanto que o segundo entrará no posto de Ibson, expulso na mesma partida.

Divulgação/Flamengo
Dorival prevê confronto duro contra Vasco
“Estamos em um processo de transição. Quanto menos troca naturalmente será melhor. Felizmente estaremos recebendo o Cáceres e o González e acho que isso vai ser importante para que tenhamos aquela equipe que jogou nas partidas anteriores”, disse Dorival.

Em relação ao fato de ter fechado o treino desta sexta-feira, Dorival explicou que não está preparando nenhuma surpresa na escalação da equipe e minimizou a importância de sua decisão.

“Não tem nada preparado para o Vasco, pois no momento em que estamos na competição não tem muito a esconder. Alguns detalhes são importantes, mas não digo que seja decisivo. O Vasco conhece muito bem o Flamengo e o Flamengo conhece muito bem o Vasco. Também não tem nenhuma surpresa em termos de escalação e o time será o mesmo das partidas anteriores ao jogo contra o Palmeiras”, disse Dorival. 

O treinador evitou falar da importância que uma vitória sobre o Vasco terá na reta final do primeiro turno em termos de projeção de pontuação para a sequência do Campeonato Brasileiro. Dorival disse não ter o costume de trabalhar por metas.

“ Não podemos fazer projeções e não fiz isso em nenhum dos clubes por onde passei. Estamos pensando em um jogo de cada vez, até porque estamos dando sequência ao time. O ideal é que a gente consiga fazer o Flamengo arrancar no momento certo da competição”, disse Dorival.

Ainda em relação ao treino desta sexta-feira, Marcos González e Víctor Cáceres foram liberados da atividade para descansarem, pois desembarcaram no Rio de Janeiro na madrugada. Os dois, assim como os demais atletas do elenco, se reapresentam neste sábado pela manhã, quando está previsto um trabalho recreativo que vai encerrar a preparação para o clássico e dar início ao período de concentração.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade