Jogos Olímpicos de 2012/Tênis - ( - Atualizado )

Federer rejeita falar em fracasso: “Não me sinto perdedor”

Londres (Inglaterra)

A carreira de Roger Federer é marcada por títulos e recordes, mas resta a lacuna da medalha de ouro olímpica na chave individual do tênis. Em Londres, o suíço bateu na trave, já que perdeu a final deste domingo para o britânico Andy Murray. Ainda assim, a lenda da modalidade procura valorizar a conquista da prata.

“Eu me sinto bem, não me sinto um perdedor. Estou orgulhoso por ganhar a prata. Foi o melhor que pude fazer neste torneio”, explicou o suíço.

Na decisão, Federer mostrou-se pouco combativo diante de Murray. A tendência é que o suíço tenha sentido o desgaste da pedreira encontrada na semifinal contra o argentino Juan Martin del Potro.

A partida anterior do representante europeu teve a duração de 4h26. O set decisivo foi definido com o impressionante placar de 19 a 17. Cavalheiro, Federer evitou falar na desculpa do desgaste e deu os méritos a Murray pela conquista do título olímpico.

“Normalmente as pessoas acham que fico satisfeito apenas se ganhar, mas estou orgulhoso e feliz. O Murray jogou muito bem e foi melhor. O importante é que esse torneio trouxe muita emoção para mim, desde o primeiro ponto até a final”, explicou a lenda do tênis.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade