Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Fernandes critica atuação, mas vê pontos positivos no América-MG

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Depois de estrear com vitória no comando do América-MG, o técnico Mauro Fernandes amargou um empate em casa contra o Paraná, que deixou o Coelho mais longe do G4. O comandante americano admitiu que a exibição da equipe foi ruim, principalmente na etapa complementar, quando os visitantes dominaram a partida.

“Nós tivemos um primeiro tempo razoável. E no segundo tempo, a equipe apavorou. Jogamos pouco pelas laterais e não tivemos jogadas mais agudas. Com a entrada do volante Thiaguinho, melhorou um pouco. Tentamos fazer o ataque funcionar, mas o Paraná teve mais oportunidades que a gente”, analisou.

Questionado sobre as virtudes do América-MG na partida, Mauro Fernandes apontou a vontade e o setor defensivo sólido como pontos fortes da equipe. “Não faltou vontade. Isso já melhorou. Completamos dois jogos sem sofrer gols. A primeira providência é não tomar gols. Tivemos oportunidades para marcar, mas a bola não entrou”, comentou.

Mauro Fernandes também falou sobre o gol perdido por Geovanni, que poderia ter dado a vitória ao time mineiro. Segundo o treinador foi uma infelicidade desperdiçar a chance clara na frente do goleiro, mas o comandante do Coelho afirmou que tem certeza que Geovanni ainda vai ajudar muito o América-MG na Série B. A estreia do meia-atacante foi considerada razoável pelo treinador.

"A estreia foi razoável. Ele teve a grande chance do jogo e eu falei com ele no vestiário que jogador de qualidade não pode perder um gol daqueles. Se ele tivesse a felicidade de fazer o gol, o Paraná iria sair e nos daria mais chances de gol. Mas o Geovanni é importante para nós e sei que ainda nos dará muitas alegrias", afirmou.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade