Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Button faz a pole na Bélgica e quebra jejum de três anos

Spa (Bélgica)

O britânico Jenson Button não deu chances a seus rivais e garantiu sem dificuldades a pole position do Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1. Com a marca de 1min47s573, ele dominou o treino classificatório em Spa-Francorchamps, demonstrando que chega em boa forma à segunda parte da temporada da categoria.

A segunda colocação do grid de largada é do japonês Kamui Kobayashi, da Sauber, que nos segundos finais da atividade surpreendeu e rodou a 1min47s871. O venezuelano Pastor Maldonado foi o terceiro, mas acabou punido pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e larga em sexto. A terceira posição caiu nas mãos de Kimi Raikkonen. O mexicano Sergio Pérez e o espanhol Fernando Alonso fecham a lista das cinco primeiras posições

É a primeira pole position do britânico na temporada da Fórmula 1 e a oitava em toda sua carreira. Ele não largava da ponta de um grid desde o GP de Mônaco de 2009. Campeão do Mundial daquele ano, ainda pela Brawn GP, ele se destaca nas corridas por manter um ritmo regular e economizar pneus para chegar em boas condições ao fim das provas.

Mais rápido do Q2, Jenson Button foi um dos primeiros a sair dos boxes na parte final do treino classificatório e logou deu mais um demonstrativo de sua boa forma, marcando 1min47s686, com boa vantagem para Raikkonen.

A maioria dos rivais de Button se arriscou apenas uma vez na pista, mas nenhum chegou perto de superá-lo. O espanhol Fernando Alonso, líder do Mundial, ficou em sexto. Já Mark Webber ficou em sétimo, mas larga em 12º por conta de uma punição pela troca de câmbio de sua Red Bull. No fim da atividade, o britânico da McLaren ainda melhorou sua marca e garantiu a pole.

AFP
Jenson Button dominou o Q2 e o Q3 em Spa-Francorchamps e conquistou a pole position

Veja o grid revisado para o Grande Prêmio da Bélgica de F-1:
1: Jenson Button (ING/McLaren) – 1min47s573
2: Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) - 1min47s871
3: Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) – 1min48s205
4: Sergio Pérez (MEX/Sauber) - 1min48s219
5: Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1min48s313
6: Pastor Maldonado (VEN/Williams) - 1min47s893**
7: Lewis Hamilton (ING/McLaren) - 1min48s394
8: Romain Grosjean (FRA/Lotus) – 1min49s538
9: Paul Di Resta (ESC/Force India) – 1min48s890
10: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 1min48s792
11: Nico Hulkenberg (ALE/Force India) - 1min48s855
12: Mark Webber (AUS/Red Bull) – 1min48s392*
13: Michael Schumacher (ALE/Mercedes) -1min49s081
14: Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1min49s147
15: Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso) - 1min49s354
16: Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso) - 1min49s543
17: Bruno Senna (BRA/Williams) – 1min50s088
18: Heikki Kovalainen (FIN/Caterham) – 1min51s739
19: Vitaly Petrov (RUS/Caterham) - 1min51s967
20: Timo Glock (ALE/Marussia) – 1min52s336
21: Pedro de la Rosa (ESP/Hispania) – 1min53s030
22: Charles Pic (FRA/Marussia) – 1min53s493
23: Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min50s181*
24: Narain Karthikeyan (IND/Hispania) – 1min54s989

*Punido com cinco posições por trocar o câmbio
**Punido com três posições por bloquear a passagem de Hulkenberg no treino

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade