Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após “tristeza”, Cristiano Ronaldo diz pensar só em vencer no Real

Madri (Espanha)

O atacante Cristiano Ronaldo voltou a treinar com o elenco do Real Madrid nesta quarta-feira. De volta ao clube depois de atuar pela seleção portuguesa em jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, o camisa 7 afastou-se das polêmicas e avisou que está pensando apenas em vencer pelo clube espanhol.

“Quero reafirmar, sem me preocupar com contratos, que meu foco é exclusivamente em ganhar cada partida e cada torneio disponível (no Real Madrid), com a essencial ajuda dos meus companheiros e de todos os madridistas”, explicou, em sua página no Facebook.

O anúncio do jogador na internet aconteceu pouco depois de a diretoria merengue cogitar oferecer um contrato vitalício ao português, com um aumento substancial em seus salários: de dez milhões de euros por ano (R$ 25,2 milhões), para 15 milhões de euros anuais (R$ 37,8 milhões).

Com o novo vínculo, os espanhóis sonham diminuir o assédio que Cristiano tem recebido, especialmente do City, United, e Paris Saint-Germain, times rivais na Liga dos Campeões desta temporada. O interesse dos clubes se deu pelo discurso do jogador, que confessou no início do mês, após marcar dois gols em jogo do Campeonato Espanhol, estar triste no Real Madrid.

Além do incômodo com seu atual salário – apenas o 10º maior no esporte, e atrás de jogadores como Ibrahimovic, Messi, Eto’o e Conca, ex-Fluminense –, o português não teria gostado da declaração de Marcelo, que considerara justo o prêmio da Bola de Ouro da Fifa para o goleiro Iker Casillas, do Real Madrid. Cristiano, porém, também luta pelo troféu.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade