Futebol/Superclássico das Américas - ( - Atualizado )

Fabuloso fica decepcionado com próprio futebol na volta à Seleção

Goiânia (GO)

A partida contra a Argentina pelo Superclássico das Américas direcionava as maiores atenções ao atacante Luis Fabiano. Mas, mesmo depois de dois anos de ausência na Seleção Brasileira e toda a motivação apresentada no período de preparação, o Fabuloso apresentou um desempenho pobre no estádio Serra Dourada.

“Todo mundo esperava mais de mim, espera-se gols do atacante. Foi um jogo muito catimbado, trucando, complicado, apareceram poucas bolas”, analisou.

Luis Fabiano considera que seu desempenho foi extremamente prejudicado pelo esquema de jogo da Argentina. Durante a maioria do tempo, a equipe visitante se fechou com nove jogadores à frente do goleiro no campo de defesa.

“A bola não chegou em mim porque estava difícil, eram três zagueiros, dois volantes, dois laterais, faltou espaço, não tem como se movimentar. Ia para um lado e ia para outro, mas sempre esbarrava nos zagueiros”, explicou.

Mowa Press
Atacante Luis Fabiano lastima o número reduzido de oportunidades no jogo contra a Argentina.

A falta de entrosamento com Neymar também foi motivo de reflexão a Luis Fabiano, apesar de também ter ao lado Lucas, seu conhecido parceiro no São Paulo. Os dois ensaiaram algumas tabelas e sempre esbarraram em erros de passe.

“A gente tentou conversar, criar jogadas, mas é difícil. Tive só um contato com o Neymar, mas não é o ideal na questão do entendimento, você não sabe como o seu companheiro se movimenta ou gosta de receber uma bola”, afirmou o Fabuloso.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade