Tênis/Aberto dos Estados Unidos - ( - Atualizado )

Djokovic vence Ferrer e encara Murray por bi do Aberto dos EUA

Nova York (EUA)

O sérvio Novak Djokovic se classificou para a decisão do Aberto dos Estados Unidos pela quarta vez na carreira, a terceira consecutiva, na tarde deste domingo. Depois de bater o espanhol David Ferrer, o astro enfrenta o escocês Andy Murray em busca do bicampeonato do torneio.

O jogo foi interrompido por ameaça de furacão no sábado, quando Ferrer, quarto cabeça de chave, vencia por 5/2. Segundo pré-classificado, Djokovic perdeu o primeiro set, mas se recuperou a partir da segunda parcial e ganhou por 2/6, 6/1, 6/4 e 6/2. Ele aplicou sete aces e 34 winners, além de converter seis de nove break-points.

Derrotado pelo suíço Roger Federer na final da edição de 2010 do Aberto dos Estados Unidos, Djokovic bateu o espanhol Rafael Nadal na decisão do ano passado e, desta forma, tem um retrospecto de 19 vitórias nos últimos 20 jogos no torneio. O sérvio ainda foi vice-campeão em 2007, quando também caiu diante de Federer.

Aos 25 anos, Djokovic contabiliza um total de 18 vice-campeonatos e 31 títulos, cinco de Grand Slam. Nesta temporada, ele já faturou os Masters 1000 do Canadá e de Miami, além do Aberto da Austrália. O sérvio ainda perdeu as finais de Cincinnati, Roland Garros, Roma e Montecarlo.

AFP
Contra o escocês Andy Murray, o sérvio Novak Djokovic quer ganhar o sexto título de Grand Slam da carreira
No confronto direto com Ferrer, Djokovic amplia ainda mais sua vantagem, já que soma nove vitórias, as últimas três de forma consecutiva, e cinco derrotas desde a temporada de 2004. Ainda em busca de sua primeira final de Grand Slam, o espanhol conheceu o quarto revés na semi de um torneio do nível.

Nascidos no mesmo ano de 1987, Andy Murray e Novak Djokovic se enfrentarão pela 15ª vez no circuito, a quarta na temporada de 2012, na qual cada tenista tem duas vitorias. Com um total de oito triunfos, o sérvio venceu a única final de Slam diante do escocês, o Aberto da Austrália-2011.

Murray perdeu quatro finais de Slam, inclusive a do Aberto dos Estados Unidos-2008, contra Federer. No total, ele soma 23 títulos e 12 vice-campeonatos. Em 2012, venceu as Olimpíadas de Londres e o ATP 250 de Brisbane, mas caiu nas decisões de Wimbledon, Miami e Dubai.

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade