Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Com foco na Sul-americana, Náutico só volta aos trabalhos na 3ª

Recife (PE)

Apenas três pontos separam o Náutico da marca de 45 que, de acordo com as previsões do técnico Alexandre Gallo, salva a equipe definitivamente do risco de rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. A cinco rodadas do encerramento da competição, o comandante optou por dar uma folga prolongada de três dias ao grupo de jogadores.

Após o empate sem gols diante do Santos, na última quinta-feira, na antecipação da 33ª rodada, a delegação retornou para Pernambuco e nem se reapresentou para atividades regenerativas. Além da sexta-feira, dia da viagem de volta, o grupo teve folga decretada para os dois dias do final de semana, isso sem contar segunda-feira, um adicional de Alexandre Gallo.

“Nada melhor que ganhar uma folga de quatro dias, com um bom resultado, com saúde e a família bem. Só tenho a agradecer e aproveitar esses momentos maravilhosos que Deus tem me proporcionado”, é a visão do lateral João Paulo, que aproveita sua folga na cidade mineira de Pouso Alto. “O jogador tem que descansar também. A gente trabalha muito e rever a família, ficar um pouco em casa, vai ajudar para terça-feira voltarmos mais estimulados para o restante da competição”, concorda o zagueiro Alemão.

Nos cinco jogos finais do Brasileirão, o objetivo da equipe de Alexandre Gallo, Alemão e João Paulo é somar seis pontos de quinze em disputa e obter uma boa posição de olho na disputa da Copa Sul-americana de 2013. Qualquer posicionamento não garante o clube na disputa em função da mudança de regulamento que prevê a inclusão de clubes eliminados precocemente da Libertadores, mas facilita o processo para a próxima temporada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade