Ciclismo/Volta da França - ( - Atualizado )

Contador defende Armstrong e diz que ele está sendo humilhado

Paris (França)

Campeão da tradicional Volta da França em 2007 e 2009, Alberto Contador saiu em defesa do norte-americano Lance Armstrong, que teve seus sete títulos da competição cassados pela União Ciclística Internacional (UCI) e vem sofrendo muitas críticas, combinadas com o abandono de patrocínios.

Segundo o espanhol, os ataques a Armstrong são exagerados. “Eu acho que Lance, em determinados momentos e lugares, não está sendo tratado com nenhum respeito. É humilhante e um linchamento do meu ponto de vista”, declarou o ciclista durante a apresentação do percurso da prova de 2013, nesta quarta-feira, em Paris.

Contador ressaltou a importância de Armstrong para o esporte, especialmente para a difusão do ciclismo nos Estados Unidos, onde é alvo de muitos ataques. “O que eu sei é que se o ciclismo é popular nos Estados Unidos, é por causa dele, se sabem o que é tour é graças a ele, se há equipamentos de alto nível em seu país, é graças a ele”, lembrou.

AFP
No centro, Contador esteve no lançamento da Volta da França e criticou os ataques exagerados a Armstrong

Os dois estivem juntos na equipe Astana em 2009 e tiveram até mesmo situações de rivalidade, embora defendessem o mesmo time. Apesar disso, Contador se mostrou totalmente a favor de Armstrong.

“Agora falamos de Lance, mas não houve novas provas. Tudo tem sido baseado exclusivamente em provas que poderiam ter existido em 2005”, opinou o atleta espanhol, que acredita no regulamento antidoping e não vê a necessidade de alterá-lo. “O controle que se tem é o melhor”, afirmou. “As medidas atuais são o máximo que se pode ter”, encerrou.

Será a centésima edição da Volta da França. O percurso, apresentado na manhã desta quarta, terá início na ilha de Córsega, no dia 29 de junho, e encerramento na Champs-Élysées, no dia 21 de julho.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade