Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Valcke recebe alta e elogia sistema de saúde do Brasil

Rio de Janeiro (SP)

Depois de quatro dias de recuperação, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, foi liberado neste domingo dos cuidados de uma infecção renal. Ele estava em tratamento desde quarta-feira no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro.

Em comunicado oficial, Valcke elogiou o sistema de saúde, classificado como ‘excelente’. "Estou certo de que, quando o momento da Copa das Confederações da FIFA e da Copa do Mundo da FIFA chegar, todos estarão em boas mãos. Neste momento, gostaria de agradecer em particular ao Doutor Mansur e à sua equipe no Hospital Samaritano pela excelente atenção e cuidados", disse, em comunicado oficial.

O problema obrigou Valcke a modificar a agenda de compromissos na passagem pelo Brasil. O dirigente perdeu, inclusive, a entrevista coletiva da semana passada para falar sobre a evolução das obras do Mundial de 2014.

Antes de sofrer com a infecção renal, Valcke abriu a série de inspeções no Brasil com o estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, na terça-feira. No dia seguinte, observou as obras do Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade