Futebol/Amistoso - ( - Atualizado )

Sabella convoca a Argentina para amistoso com surpresas e sem Barcos

Buenos Aires (Argentina)

A convocação da seleção argentina para o amistoso contra a Arábia Saudita, anunciada nesta quarta-feira, trouxe uma boa notícia ao Palmeiras: o atacante Hernán Barcos ficou de fora da lista e não desfalcará a equipe, que não conta com nenhum jogador que atue no Brasil, já que o corintiano Martínez e o colorado Guiñazu também foram deixados de lado.

O time chegou a cogitar pedir que a seleção liberasse o atacante na disputa do Superclássico das Américas para ajudar o Verdão na luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, mas não terá que se preocupar com uma ausência do argentino para o amistoso contra os árabes, no dia 14 de novembro.

Agora, com o técnico Alejandro Sabella optando pelo atacante Franco di Santo, do Wigan, o camisa 9 alviverde não terá problemas para enfrentar Botafogo e Fluminense, pelas 34ª e 35ª rodada do nacional.

É a primeira convocação do centroavante da equipe inglesa, que marcou três gols nesta temporada. Além dele, outras novidades na equipe principal são o goleiro Cristian Álvares, do Espanyol, o volante Fabian Rinaúdo, do Sporting Lisboa, e o meia Augusto Fernández, do Celta de Vigo.

A lista do ex-técnico do Estudiantes também conta com o retorno de alguns jogadores que não vinham sendo convocados, como o zagueiro Fabricio Coloccini, do Newcastle, o lateral Luciano Monzón, do Lyon, e o meia Ricky Álvarez, da Inter de Milão.

Alguns medalhões seguem sendo preteridos pelo comandante argentino. Ezequiel Lavezzi e Javier Pastore, do PSG, Tévez, do Manchester City, e Javier Zanetti, da Inter de Milão, seguem sem espaço com Sabella.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Com três atuações e nenhum gol pela seleção argentina, Barcos não enfrentará a Arábia Saudita
Confira a lista completa de convocados:

Goleiros: Sergio Romero (Sampdoria/ITA), Mariano Andújar (Catania/ITA) e Cristian Álvarez (Espanyol/ESP);

Defensores: Hugo Campagnaro (Napoli/ITA), Federico Fernández (Napoli/ITA), Pablo Zabaleta (Manchester City/ING), Marcos Rojo (Sporting Lisboa/POR), Ezequiel Garay (Benfica/POR), Luciano Monzón (Lyon/FRA) e Fabricio Coloccini (Newcastle/ING);

Meio-campista: Javier Mascherano (Barcelona/ESP), Fernando Gago (Valencia/ESP), Tino Costa (Valencia/ESP), Ángel di María (Real Madrid/ESP), Augusto Fernández (Celta de Vigo/ESP), Enzo Pérez (Benfica/POR), Eduardo Salvio (Benfica/POR), Ricky Álvarez (Inter de Milão/ITA) e Fabián Rinaudo (Sporting Lisboa/POR);

Atacantes: Lionel Messi (Barcelona/ESP), Sergio Aguero (Manchester City/ING), Gonzalo Higuaín (Real Madrid/ESP) e Franco di Santo (Wigan/ING).

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade