Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( )

Melhor do returno, Goiás bate Avaí fora e segue na cola dos líderes

Florianópois (SC)

O Goiás mostrou mais uma vez um ritmo alucinante e não deu chances ao Avaí, que jogava na Ressacada, nesta sexta-feira, fazendo 4 a 1 sem grandes dificuldades. A vitória mantém o clube esmeraldino na briga pelo título da Série B do Campeonato Brasileiro e amplia por mais uma rodada a liderança simbólica do segundo turno.

Com um primeiro tempo empolgante, os goianos foram mais eficientes e foram aos vestiários com uma larga vantagem: 3 a 0, com um gol de Renan Oliveira e dois de Amaral.

Evando, ídolo da torcida catarinense, descontou na etapa complementar, mas a esperança do Avaí foi abreviada por Walter. O atacante marcou o quarto e, ao lado de Egídio, foi um dos melhores em campo.

O resultado deixa o Goiás com 64 pontos, dividindo provisoriamente a ponta da tabela e torcendo por tropeços do líder Criciúma e do Vitória. Para o Avaí, a derrota em casa, onde mantinha boa campanha, praticamente sacramenta o fim das ambições pelo acesso à Série A. Com 46 pontos, o time de Floripa vê o São Caetano, primeiro no G-4, abrir 11 de diferença.

A 32ª rodada coloca o Goiás diante do ASA, no Serra Dourada, enquanto o Avaí viaja até Bragança Paulista para encarar o Bragantino. As duas partidas serão realizadas na terça.

O jogo – As laterais começaram como principal válvula de escape dos dois times. Arlan e Egídio travavam duelo particular e, quando atacavam, levavam a melhor e conseguiam os cruzamentos.

Foi justamente dos pés do ala direita do Avaí que surgiu a primeira grande oportunidade da partida. Após a bola alçada na área, Camilo cabeceou par a defesa de Harlei.

Em resposta, Walter chutou de longe e deixou o goleiro Marcelo Moretto imóvel. A contagem na Ressacada seria aberta aos 21 minutos de jogo, quando o mesmo Walter fez boa jogada pela ponta esquerda. O atacante colocou a bola na cabeça de Renan Oliveira, que só testou no canto do gol avaiano.

Buscando do empate, a equipe da casa começou um bombardeio à meta de Harlei. Diogo Acosta e Mika tiveram dois bons arremates, mas o experiente goleiro esmeraldino fez ótimas defesas. No lance mais perigoso, o volante do Avaí pegou sobra de primeira na área e Harlei espalmou com muito reflexo.

O Goiás era melhor, porém. Egídio chegou ao fundo e cruzou, mas Ricardo Goulart perdeu um gol incrível. No lance seguinte, o lateral bateu falta na área Amaral se antecipou para desviar e tirar de Marcelo Moretto e ampliar, aos 31.

Inspirados, ala canhoto e o capitão esmeraldino repetiriam a dose mais tarde. Depois de acertar a trave com um chute de três dedos, Egídio colocaria nova bola na cabeça de Amaral, que marcou o segundo dele e o terceiro dos visitantes, dois minutos antes de provocar vaias da torcida ao Avaí.

A segunda etapa começou boa, mas o ritmo alucinante da primeira demorou a aparecer. Somente aos 17 minutos é que Goiás chegou com perigo. Walter deu de letra e deixou Vítor em condições de marcar, mas o lateral parou na boa defesa de Moretto.

Aos 29, Evando arriscou de longe e contou com o mal posicionamento de Harlei para diminuir o placar. No chute, a bola subiu e acabou encobrindo o goleiro esmeraldino, que estava adiantado.

Só que mal deu tempo de comemorar. Logo após a saída de bola, Walter fez o quarto e deu números de goleada à partida. Sozinho na área, o atacante marcou pelo terceiro jogo seguido e assegurou a vitória ao Goiás.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade