Futebol/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Adriano confirma acerto,mas diz que pendência ainda impede renovação

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

O imbróglio que se transformou a renovação contratual do volante Adriano pode estar próximo do fim. Isto porque, o próprio jogador revelou que chegou a um entendimento no que diz respeito às bases salariais e ao tempo do novo vínculo que pretende assinar com o Santos. Segundo o meio-campista, apenas a resolução do impasse que envolve 40% dos seus direitos econômicos o separam de renovar o seu contrato, que se encerra em agosto de 2013, por mais quatro temporadas com o clube praiano.

“Estamos conversando e chegamos a um acordo. A única coisa que está faltando mesmo é resolver a questão dos 40%, com o meu antigo empresário. Espero que isso possa ser decidido nos próximos dias, para eu assinar um novo contrato com o Santos”, disse Adriano, um dos salários mais baixos do elenco santista, tendo em vista que o atleta recebe R$ 30 mil por mês.

O atual procurador do volante, Tadeu Cruz, filho de Milton Cruz, auxiliar-técnico do São Paulo, está negociando a compra destes 40%, os quais Adriano acreditava ser dono, junto ao ex-agente do jogador, Sérgio Dias. O Peixe é detentor dos 60% restantes.

“Sempre mostrei o meu desejo de ficar aqui no Santos. Ainda mais agora com a minha filha (a noiva do atleta, a jornalista Fernanda Tavares, está grávida). Os meus representantes estão cuidando desse problema, referente ao contrato que assinei em 2008. Ele (Dias) tinha direito a 40% e os meus empresários estão tentando um acordo. Quero retomar isso (o percentual em questão dos seus direitos econômicos) antes de assinar”, comentou.

Adriano foi revelado nas categorias de base do Alvinegro Praiano, subindo ao elenco profissional no final de 2006. Em 2009, o meio-campista chegou a ser emprestado ao São Caetano, mas retornou seguinte para a Vila Belmiro.

No total, Adriano tem cinco títulos no currículo pelo Santos: três estaduais (2007, 2011 e 2012), uma Copa Libertadores da América (2011) e uma Recopa Sul-americana (2012).

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade