Vôlei/Bastidores - ( - Atualizado )

Tribunal da FPV converte suspensões para Sesi e Campinas em multa

São Paulo (SP)

Nesta quinta-feira, o Tribunal da Federação Paulista de Vôlei realizou julgamento de quatro atletas do time masculino de vôlei do Sesi e de integrantes da comissão técnica do Medley/Campinas, após confusão protagonizada pelas duas equipes, no último domingo, durante a primeira partida da final do Paulista.

Em um primeiro momento, o Tribunal suspendeu os envolvidos. Mas depois as suspensões foram convertidas em multas, sendo que, caso o Sesi pague uma quantia no valor de 15 mil reais, os jogadores Sidão, Lorena, Cléber e Leozão estarão liberados para disputar o segundo confronto da decisão, no próximo sábado. Ao time de Campinas foi estabelecido o mesmo valor como punição.

No último domingo, Lorena e Leozão acabaram sendo expulsos de quadra após discutirem com integrantes da comissão técnica do adversário. Sidão e Cléber também estavam envolvidos no incidente.

Lorena, Cléber, SIdão e Leozão foram enquadrados no artigo 257 de Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por “participar de rixa, conflito ou tumulto, durante a partida, prova ou equivalente”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade