Atletismo/Bastidores - ( - Atualizado )

Ministro Aldo Rebelo declara luto e seu pesar por Nelson Prudêncio

Brasília (DF)

O Ministro do Esporte Aldo Rebelo lamentou a perda do ex-triplista Nelson Prudêncio, que faleceu na madrugada desta quinta para sexta-feira, em São Carlos, onde estava internado em coma irreversível.

“O esporte brasileiro está de luto. A perda de Nelson Prudêncio, 68 anos, ex-atleta do salto triplo, é sentida por gerações que se inspiraram em sua trajetória de vida dedicada ao esporte nacional. Guerreiro dentro e fora das pistas, ele encantou o país com seus saltos”, declarou em nota oficial.

Prudêncio conquistou a medalha de prata nos Jogos Olímpicos da Cidade do México, onde quebrou o recorde mundial, mas foi superado na sequência pelo russo Viktor Saneyev, em uma disputa emocionante. Quatro anos depois, ele conquistou a medalha de bronze, na Olimpíada de Munique, na Alemanha.

Rebelo ainda expressou sua vontade de que Nelson Prudêncio sirva de inspiração para uma nova geração de atletas. “Em nome do Ministério do Esporte, gostaria de expressar meus sentimentos à família de Prudêncio e que sua caminhada esportiva sirva de inspiração para as futuras gerações”.

A Confederação Brasileira de Atletismo decretou luto oficial por sete dias. Após o velório na capela do Cemitério Nossa Senhora do Carmo, em São Carlos, Nelson Prudêncio será sepultado no mesmo local, às 16h30.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade