Basquete/Campeonato Paulista feminino - ( - Atualizado )

Ourinhos bate São José e larga bem na semi do Paulista feminino

São José dos Campos (SP)

Na noite desta segunda-feira, o Ourinhos Basquete começou a campanha nas semifinais do Campeonato Paulista feminino de basquete com vitória, ao derrotar o São José/Colinas Shopping pelo placar de 63 a 60, em duelo disputado no ginásio da ADC General Motors, em São José dos Campos (SP). Agora, o Ourinhos lidera a série melhor de cinco partidas por 1 a 0.

A equipe de Ourinhos promoveu a estreia da pivô Alon Abisola Olajuwon e conseguiu manter a liderança no placar nos dois primeiros períodos. O time da casa conseguiu esboçar uma reação no terceiro quarto e dominuiu a desvantagem, mas manter o ritmo não foi possível e, no período final, o Ourinhos, comandado pelo técnico Edson Ferrero, confirmou o triunfo.

A cubana Ariadna, com 19 pontos, oito rebotes e quatro assistências, e Nádia Colhado, que saiu de quadra com double-double de 12 pontos e dez rebotes, foram os destaques do time do São José. Já do lado do Ourinhos, Patrícia Chuca, que anotou 16 pontos, e Silvia Gustavo, responsável por 16 pontos e sete rebotes, foram as atletas que mais brilharam. Olajuwon, que estreou pelo Ourinhos, terminou o jogo com quatro pontos e oito rebotes.

“Começamos jogando muito bem no primeiro tempo, mas depois caímos de produção no segundo, porém soubemos voltar ao ritmo ideal no final. Foi muito importante vencer e quebrar o mando de quadra do São José, que se reforçou para esta temporada e possui um time muito guerreiro”, analisou Edson Ferreto, técnico do Ourinhos Basquete.

No outro confronto da semifinais, o Americana superou o Santo André/Semasa pelo placar de 71 a 65, em confronto realizado no ginásio Municipal Milton Fenley Azenha (Centro Cívico), na cidade de Americana (SP).

O time do Grande ABC teve um início de jogo mais produtivo e liderou o primeiro quarto, mas as donas da casa assumiram a ponta do placar. Assim, as comandadas do treinador Luiz Zanon mostraram um bom desempenho nos arremessos de longa distância e começaram as semis na frente.

“Nos playoffs, o que vale é vencer, independente se você joga bem ou não. Começamos com um pouco de apatia, mas depois melhoramos neste aspecto e conseguimos jogar dentro do que estava previsto”, destacou Luiz Zanon, comandante do Americana.

Já Laís Elena, técnica do Santo André/Semasa, frisu os pontos que levaram à derrota: “O jogo foi bom, mas erramos algumas fáceis. Poderíamos ter complicado mais. O time de Americana foi muito feliz nas bolas de três pontos, em especial no último quarto, e isso fez a diferença”.

Nesta terça-feira, dia 6 de novembro, será disputada a segunda rodada das semifinais. O São José/Colinas Shopping pega o Ourinhos Basquete, às 20h (de Brasília), novamente em São José dos Campos (SP). Americana x Santo André/Semasa também voltam a duelar, às 20h, na cidade de Americana (SP).

Antônio Basílio/Divulgação
Mesmo atuando longe da sua torcida, o Ourinhos derrotou o São José e ficou um pouco mais perto da decisão

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade