Basquete/Campeonato Paulista feminino - ( - Atualizado )

Ourinhos bate São José e vai à final; Americana segue vivo

Ourinhos (SP)

Neste sábado, o Ourinhos Basquete derrotou o São José/Colinas Shopping pelo placar de 81 a 66 e se classificou para a final do Campeonato Paulista feminino de basquete. Com o triunfo conquistado no ginásio Municipal José Maria Paschoalick, em Ourinhos (SP), o time da casa fecha a série melhor de cinco, válida pelas semifinais, com 3 a 1.

A equipe do Vale do Paraíba fez um primeiro quarto de partida muito bom e até chegou a ficar em vantagem no placar. Mas a partir da segunda parcial, as donas da casa começaram a reagir e acabaram virando o jogo no quarto final.

Vestindo a camisa do Ourinhos, Joice, com 27 pontos e sete assistências, e a cubana Plutin Tizon, responsável por anotar um double-double de 22 pontos e 11 rebotes, foram as jogadoras de maior destaque dentro do embate.

Do lado do São José, outra cubana, Ariadna Felipe, também foi bem e também terminou com dois dígitos em dois fundamentos (17 pontos e 11 rebotes). Nádia Colhado foi outra atleta que brilhou pela equipe visitante e saiu de quadra com double-double de 14 pontos e 14 rebotes.

Também na noite deste sábado, foi disputado o quarto jogo da série entre Americana e Santo André/Semasa e o time do interior levou a melhor jogando fora de casa, no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, em Santo André (SP), e venceu por 73 a 52. Agora, a série que define o adversário do Ourinhos na decisão do Paulista está empatada em 2 a 2.

No jogo realizado no Grande ABC, o Americana manteve a vantagem no placar em toda a partida e não deixou que as donas da casa sequer esboçassem alguma chance de reação. Assim, a folga no marcador para o time comandando por Luiz Zanon foi crescendo de forma natural.

Karen Rocha, cestinha da partida com 16 pontos, e Débora, que anotou 13 pontos, saíram de quadra como as melhores do Americana. A norte-americana Sandora Irvin, também da equipe interiorana, foi bem e apanhou 17 rebotes.

Êga Garvão, com 14 pontos, seis rebotes e quatro assistências, e Jaqueline Silvestre, responsável por 12 pontos, foram os destaques do Santo André.

“O time jogou dentro da normalidade, sem aquela apatia dos confrontos anteriores, e conseguimos a vitória fora de casa. Agora teremos o quinto jogo, que será dentro de casa, e vamos tentar manter este mesmo ritmo para chegar à decisão”, disse o técnico do Americana, Luiz Zanon.

A partida número 5, que vai definir o segundo finalista do Campeonato Paulista de basquete, será realizado na próxima terça-feira, dia 13 de novembro, às 20h (de Brasília), no ginásio Municipal Milton Fenley Azenha (Centro Cívico), em Americana (SP).

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade