Fórmula 1/Bastidores - ( - Atualizado )

Apesar de inconsistência, Grosjean deve seguir na Lotus em 2013

São Paulo (SP)

Após encerrar a sua primeira temporada completa como piloto principal da Fórmula 1, o francês Romain Grosjean deve seguir na Lotus em 2013. Apesar de erros que causaram acidentes em mais de um GP no ano, o piloto é considerado um dos mais rápidos da categoria pelos principais homens da escuderia, fato que pode pesar em sua renovação de contrato.

“As chances de que ele corra conosco em 2013 são grandes”, revela o proprietário da equipe, Gerard Lopez, em entrevista à revista americana Speed Week. “Romain é um dos pilotos mais rápidos da Fórmula 1. Ele entende o carro e consegue estrair o máximo dele, apesar de não ter feito aquilo tudo que pedimos, especialmente no quesito consistência”, completa.

Segundo o dono da Lotus, o único motivo de a renovação de Grosjean ainda não ter se oficializado é o fato de uma reunião entre a equipe e o piloto não ter sido realizada, o que deve acontecer em breve.

AFP
Romains Grosjean conviveu com acidentes e pódios em temporada inconstante na Fórmula 1
“Ele possui o tipo de velocidade que não nasce em árvores. A razão dele ainda não estar confirmado é que não tivemos tempo para sentar e discutir junto com os engenheiros. Mas vamos esperar. Meu desejo é ver Romain (Grosjean) no carro, mas depende mais dele que de mim”, afirma, deixando no ar que o piloto pode ter propostas de outras equipes para o próximo ano.

Apesar do otimismo de Lopez, o chefe de equipe da Lotus, Éric Boullier, mantém a cautela e não crava a renovação de contrato do francês. Apesar disso, o mandatário exalta a campanha do piloto em 2012.

“A temporada não foi terrível e nem excelente. Mas não vamos queimar o garoto. Ele chegou a três pódios”, diz à rádio francesa RMC Sport. “No momento, estamos dando alguns dias ou semanas para analisarmos a renovação”, conclui.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade