Futebol/Superclássico das Américas - ( - Atualizado )

Convocado pela primeira vez, Durval admite surpresa: “Não acreditei"

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Convocado para defender a Seleção Brasileira no segundo e decisivo jogo do Superclássico das Américas, contra a Argentina, no dia 21, marcado para La Bombonera, em Buenos Aires, o zagueiro Durval se mostrou bastante surpreso pelo fato de ter sido lembrado pelo técnico Mano Menezes. Festejado pelos seus companheiros de clube, o experiente defensor falou sobre a alegria pela primeira convocação para a Seleção da sua carreira.

“Estou muito emocionado. Todos os jogadores sonham com uma convocação e comigo não era diferente. Sempre sonhei e, graças a Deus, eu tive essa oportunidade de ser convocado agora. Espero fazer o melhor para a Seleção”, disse Durval, em entrevista à Santos TV.

Indagado sobre como recebeu a notícia, o zagueiro, que treinou normalmente na manhã deste terça-feira, no CT Rei Pelé, destacou que demorou a perceber que realmente tinha sido chamado para vestir a caminha canarinho no Superclássico. “Eu não estava acreditando. Estava conversando com o doutor aí veio o pessoal. Primeiro veio o (goleiro) Rafael, o (lateral esquerdo) Léo, todo mundo veio me cumprimentar. Foi muito legal ver a euforia toda do pessoal, me dando parabéns. Fiquei meio parado, sem base, sem saber se era verdade ou não“, comentou.

Na Seleção Brasileira, que para esse duelo com a Argentina, conforme prevê o regulamento da Conmebol, convocou apenas jogadores que atuam no próprio país, Durval terá a companhia de dois dos seus companheiros no Peixe: o volante Arouca e o atacante Neymar.

O defensor acredita que, com a presença da dupla, a sua adaptação na Seleção será mais simples. “A presença do Arouca e do Neymar, especialmente, vai facilitar um pouco”, resumiu.

Neymar e Arouca estão concentrados com o time canarinho em Nova Jersey (Estados Unidos) para a disputa do jogo de número 1.000 da história da Seleção Brasileira, no amistoso diante da Colômbia, nesta quarta, às 22h30 (horário de Brasília), no Estádio MetLife.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade