Futebol/Bastidores - ( )

Dorival é punido pelo STJD e ‘desfalca’ o Flamengo contra o Vasco

Rio de Janeiro (RJ)

O duelo entre Flamengo e Vasco da Gama, válido pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, estará bem abaixo da história do Clássico das Multidões. Além da discreta procura por ingressos, Juninho Pernambucano e Felipe desfalcarão os cruz-maltinos, enquanto o time da Gávea não terá o técnico Dorival Júnior no banco de reservas.

Expulso no empate por 1 a 1 do Fla com o Atlético-MG na Arena Independência, o treinador foi denunciado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e acabou sendo punido com uma partida de suspensão. O comandante rubro-negro teria invadido o gramado e se dirigido ao assistente número um com as seguintes palavras: "Você está cego? Não viu que o cara já tava impedido?"

A atitude foi repreendida pela procuradoria do tribunal, que lembrou à defesa que Dorival Júnior já havia sido denunciado por duas vezes na competição nacional. Por outro lado, a defesa levantou suspeitas contra o árbitro Sando Meira Ricci, responsável por duas dessas expulsões do técnico.

Na mesma partida contra o Galo, o lateral direito Welligton Silva também recebeu cartão vermelho e o juiz registrou na súmula que o flamenguista teria cometido “ato temerário” contra o atleta rival. Advogado do Fla, Michel Assef Filho questionou as palavras de Sandro Meira Ricci e conseguiu a absolvição do ala. "O que é ação temerária? O árbitro não descreveu como se deve. Assim, peço a inépcia da denúncia”, declarou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade