Futebol/Seleção Brasileira - ( - Atualizado )

Felipão se desculpa por comentário sobre Banco do Brasil

Rio de Janeiro (RJ)

Em sua primeira entrevista coletiva como técnico da Seleção, Luiz Felipe Scolari gerou um certo desconforto ao dizer que quem não quisesse pressão deveria trabalhar no Banco do Brasil. O Banco e os trabalhadores do setor publicaram notas de repúdio à declaração do técnico. Mais tarde, Felipão retratou-se.

“Eu estava pedindo a colaboração do povo brasileiro à Seleção Brasileira e não pretendia ofender o pessoal do Banco do Brasil. Foi uma má colocação. Eu mesmo sou cliente deles há mais de 30 anos”, disse o treinador.

O presidente do Banco do Brasil foi quem revelou o pedido de desculpas do técnico. Aldemir Bendine, em nota oficial, revelou ter conversado com Scolari e reiterou a torcida pelo sucesso de Felipão.

“Você vai ter aqui uma família de 116 mil pessoas que estará torcendo pelo seu trabalho, que você seja muito feliz nessa nova empreitada e que traga de volta aquela alegria que você nos deu em 2002”, afirmou

Leia mais: Felipão amarga primeira polêmica na Seleção.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade