Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Guus Hiddink anuncia aposentadoria para o final da temporada

Moscou (Rússia)

Atualmente no comando do Anzhi Makhachkala, da Rússia, o técnico Guus Hiddink anunciou nesta terça-feira que irá encerrar sua carreira no final da temporada. A informação foi dada à imprensa holandesa, país de origem do treinador.

“Eu já não tinha a intenção de permanecer por muito tempo quando vim para o Anzhi. Com 66 anos, acho que já conquistei o suficiente. Não sei o que farei depois. Talvez me torne conselheiro ou supervisor de técnicos e atletas mais jovens. Quero ensinar às pessoas a lidarem com certos assuntos do esporte ou como elas podem progredir em sua carreira. Mas não irei desaparecer do mundo do futebol”, disse o treinador.

Hiddink começou sua carreira de técnico em 1987, com o PSV Eindhoven. Em 1998, levou a Holanda às semifinais da Copa do Mundo, quando foi eliminado pelo Brasil nos pênaltis. No final do mesmo ano, teve uma espécie de revanche quando esteve à frente do Real Madrid e derrotou o Vasco por 2 a 1 na final do Mundial de Clubes. Na Copa de 2002, repetiu o mesmo desempenho que teve com a Holanda, dessa vez comandando a anfitriã Coreia do Sul. Quatro anos depois, treinou a Austrália no Mundial da Alemanha, sem o mesmo sucesso. Passou ainda por Chelsea, onde conquistou uma Copa da Inglaterra, em 2009, entre outras equipes, até assumir o Anzhi no começo deste ano.

Atualmente a equipe é a líder do Grupo A, da Liga Europa, com dez pontos, e já está classificada para a próxima etapa da competição. No Campeonato Russo, o Anzhi é o vice-líder, com 37 pontos, três a menos do que o primeiro colocado CSKA Moscou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade