Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Julgamento por doping de Bida, do Atlético-GO, é adiado

Goiânia (GO)

A novela a respeito da suspensão por doping do volante Bida, do Atlético-GO, continua. Por pedido da defesa, o julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) que seria nesta quinta-feira foi adiado por conta do baixo número de auditores no tribunal: eram cinco, quando o ideal são nove.

Agora, o que será o quinto julgamento do jogador de 28 anos deve acontecer apenas no dia 6 de dezembro. Bida foi denunciado mo artigo 2º, item 2.1, do Código Mundial Antidoping, que aponta “presença de uma substância proibida ou de seus metabólicos ou marcadores em uma amostra colida do atleta”.

Pelo uso de hydrochlorothiazide (HCT) na vitória por 3 a 2 para o Flamengo ainda na sétima rodada, em julho, o jogador foi condenado à pena máximo prevista no artigo: dois anos.

Bida também foi flagrado nos testes antidoping na partida anterior, na derrota por 4 a 1 para o Fluminense na sexta rodada, em junho, e foi suspenso por um ano em primeira instância, mas conseguiu ser absolvido.

Por conta da suspensão, o jogador está sem atuar pelo Atlético-GO desde o dia 22 de julho, quando participou da derrota por 4 a 1 para o Internacional pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade