Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Júlio César não recebe punição e pode atuar pelo Grêmio no clássico

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

A semana que antecede o último jogo oficial da história do Estádio Olímpico será movimentada para o Grêmio nos tribunais. Nesta segunda-feira, veio a primeira boa notícia: o lateral esquerdo Júlio César, expulso na partida contra a Ponte Preta, recebeu apenas uma advertência do STJD e está liberado para atuar no clássico contra o Internacional, no domingo. A tendência, porém, é que ele fique na reserva de Anderson Pico.

Quinta-feira será a vez de Marcelo Moreno ir ao banco dos réus. Expulso no empate diante do Fluminense após acertar uma cotovelada em Rafael Sobis, o boliviano foi punido com quatro jogos de suspensão, mas tem atuado normalmente, por conta de um efeito suspensivo obtido pelo Grêmio. O atacante terá seu recurso julgado três dias antes do clássico, e pode ser desfalque para o técnico Vanderlei Luxemburgo. André Lima, neste caso, deverá atuar.

O elenco gremista se reapresenta nesta terça-feira. Luxa já avisou que, a exemplo do Inter, também pode realizar treinos fechados nesta semana, para aumentar o mistério em relação ao time que começa o Gre-Nal. O Grêmio garantirá o vice-campeonato e a vaga direta na fase de grupos da Libertadores se derrotar o Colorado ou se o Atlético-MG não ganhar do Cruzeiro.

Paulo Paixão: cobiçado pelo Internacional, o preparador físico deverá ter reunião nos próximos dias com os dirigentes eleitos do Grêmio para renovar contrato com o Tricolor. Paixão está no Olímpico desde o início de 2010.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade