Futebol/Bastidores - ( )

Loco Abreu divulga carta lamentando especulações sobre seu futuro

Rio de Janeiro (RJ)

O futuro de Loco Abreu continua incerto. Depois de rescindir o seu contrato com o Figueirense e ser especulado em diversos clubes nacionais, o uruguaio tratou de divulgar uma carta aberta para rechaçar qualquer negociação com outro time. O atleta admite que está voltando para o Botafogo e irá aguardar uma definição da diretoria para tomar qualquer providência com relação ao seu destino em 2013.

Mesmo ídolo do torcedor alvinegro, Loco Abreu não conta com o apoio de Oswaldo de Oliveira e perdeu espaço na equipe após não se encaixar no esquema tático montado pelo comandante. Como a renovação do treinador está próxima de ser concretizada, o atleta teria de arcar novamente com as dificuldades impostas pelo estilo de jogo adotado no clube.

A diretoria alvinegra também adota cautela para tratar do assunto e prefere não falar abertamente sobre qual será a postura tomada com relação a Loco Abreu. O uruguaio estava emprestado ao Figueirense até 2013 e rescindiu o seu vínculo depois de o clube cair para a segunda divisão nacional. Com as seguidas lesões e convocações para a seleção de seu país, o atacante atuou apenas em sete partidas e marcou um gol pelo clube catarinense.

Confira abaixo a carta divulgada por Loco Abreu nesta quarta-feira:

"Lamentavelmente, vivemos num mundo que, por querermos ter novidades, desvirtuamos tudo. É por isso que quero me antecipar a certas informações que me ligam a possíveis clubes com determinadas cifras mensais que podem confundir o torcedor.

Quero comentar que, neste momento, acabo de fazer minha rescisão protocolar com o Figueirense, já que no fim da temporada, tenho que voltar ao Botafogo. Volto a repetir, é uma rescisão protocolar e, portanto, minha realidade é que estou voltando para o Botafogo, clube com o qual tenho contrato até agosto de 2014.

Esta é a realidade. Dependo do Botafogo para saber qual será meu futuro. Não existe nenhuma negociação nem tratativa com ninguém, já que não depende de mim. Quando tiver definido meu futuro, informarei a vocês diretamente o que tiver acontecido. As especulações e falsas expectativas não são do meu agrado, pelo qual peço desculpas, mas escapam da minha alçada.

Muito obrigado. Mando-lhes um forte abraço".

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade