Futebol/Mundial de Clubes 2012 - ( - Atualizado )

Oscar afirma que Chelsea levará Mundial a sério contra Timão "louco"

Zurique (Suíça)

Há dois anos, Roberto Carlos revelou que o Real Madrid não levou o Mundial de Clubes de 2000, no Rio de Janeiro, a sério. A declaração irritou corintianos, que venceram esta competição. 12 anos depois, o Corinthians disputa o título de melhor time do mundo novamente, desta vez contra o Chelsea. Mas, agora, o adversário do Timão jogará para valer, como garantiu Oscar.

“O Mundial de Clubes da Fifa é um torneio muito importante, permitindo dizer que você é campeão mundial. O Barcelona levou o torneio muito a sério no ano passado, e nós faremos o mesmo. Eu sei que o Corinthians está louco para ganhar o Mundial, que é importante demais na América do Sul. E, por isto, estaremos totalmente preparados”, afirmou o meia dos Blues ao site da Fifa.

Oscar, que passou por São Paulo e Internacional antes de se transferir para o clube inglês, falou sobre as diferenças entre o futebol dos dois países. “Nós colocamos mais a bola no chão, trocando passes, e eu gosto disto”, disse o jogador, que afirmou já ter se adaptado ao novo estilo. “Estou satisfeito com a maneira com que venho me firmando. Já entendi bem e estou confortável”.

Com o Corinthians como provável adversário na final do Mundial, Oscar analisou o que terá pela frente. “Não será fácil. O Corinthians está muito bem. É um time muito forte e bem organizado”, explicou o atleta de 21 anos, que, no entanto, exaltou a equipe londrina. “Eu tenho a confiança de que o Chelsea pode conseguir. Estamos melhorando”, garantiu.

No Japão, Oscar deverá reencontrar um companheiro de Seleção Brasileira: Paulinho. O meia revelou que tem um bom relacionamento com o volante alvinegro, com quem já brinca sobre o possível confronto. “Sempre tiramos sarro um do outro. Respeito o Paulinho como jogador. Ele é muito bom. Mas se nos encontrarmos no Mundial, farei de tudo para vencê-lo”, finalizou Oscar.

A estreia do time da Parque São Jorge no Mundial está marcado para o próximo dia 12 de dezembro, ou contra o Al-Ahly, do Egito, ou o Auckland City, da Austrália, ou o campeão do Campeonato Japonês, que ainda está em andamento. Um dia depois, Oscar, David Luiz e Ramires estrearão pelo Chelsea, diante do Monterrey, do México, ou do Ulsan Hyundai, da Coréia do Sul.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade