Futebol/Campeonato Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Botafogo perde para Sport e vê sonho de Libertadores acabar

Recife (PE)

Só a vitória interessava ao Botafogo para seguir na briga pela Copa Libertadores de América. Mas a derrota por 2 a 0 para o Sport, neste domingo, na Ilha do Retiro, colocou um ponto final na busca da equipe carioca por uma vaga na competição continental e manteve os pernambucanos vivos na luta contra o rebaixamento.

Os gols da vitória rubro-negra vieram no segundo tempo, em dois contra-ataques fulminantes. Primeiro, Henrique deixou Gilberto sem goleiro para marcar. Já no fim do jogo, Felipe Menezes fez linda jogada e colocou Henrique na cara do gol para matar o jogo.

Com a vitória, o Sport ainda tem esperanças de escapar o descenso e ainda contou com um empate da Portuguesa, que agora está a apenas um ponto. Já o Botafogo vê o São Paulo, quarto colocado, inalcançável, com oito pontos a mais.

Na penúltima rodada, o Sport segue a luta contra o rebaixamento diante do Fluminense. Já sem objetivos no Campeonato, o Botafaogo encara no Atlético-MG.

O jogo – Com as arquibancadas da Ilha do Retiro lotadas, o Sport entrou em campo empolgado e foi superior por boa parte da primeira etapa. Enquanto marcava muito bem no meio e impedia o Botafogo de criar, chegava com perigo pelo lado direito, por onde apareciam Cicinho e Moacir.

Aos poucos, porém, o Botafogo conseguiu equilibrar as partidas e transferir o jogo do campo de defesa para o de ataque. Pela direita, Lucas Marques fez boa jogada e tocou para trás, encontrando Andrezinho. O camisa 17 hesitou demais na hora de chutar, segurou a bola e jogou fora a melhor jogada de ataque alvinegra.

Poucas foram as chances criadas na primeira metade, mas Hugo perdeu uma incrível, aos 42 do minutos. Após cruzamento da direita, o artilheiro do Sport não esperava falha de Antônio Carlos e acabou chutando torto com a perna direita, à esquerda do gol de Jefferson.

Na volta do intervalo, a partida parecia outra, com os dois times acesos e levando perigo. Antes do primeiro minuto, o Botafogo conseguiu cruzar e quase abriu o placar. Lucas ajeitou de cabeça, Bruno Mendes se esticou e, por muito pouco, não alcançou a bola.

A resposta do Sport veio na velocidade do ataque pernambucano. Cicinho disparou e sofreu falta, cobrada muito bem por Reinaldo. Jefferson fez boa defesa.

Aos 11, Seedorf deu grande enfiada pra Márcio Azevedo, que chegou ao fundo e tocou para trás. O uruguaio Lodeiro vacilou e não conseguiu completa a bola fácil. No contra-ataque, o Sport puniu o Botafogo com um gol.

Henrique ficou sozinho e não foi fominha. Ao ver Gilberto passar pela esquerda, rolou para o companheiro. O camisa 9 só teve o trabalho de empurrar para as redes e comemorar o 1 a 0.

O Botafogo tentou de todas as maneiras, mas ofereceu o contra-ataque de presente para o Sport matar o jogo. Henrique, após linda jogada individual de Felipe Menezes, marcou o segundo, aos 44 minutos do segundo tempo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade