Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Criciúma segura o América-RN e retoma a vice-liderança com goleada

Goianinha (RN)

A torcida do Criciúma vem enfrentando um verdadeiro teste para cardíacos neste Campeonato Brasileiro da Série B. Após anotar dois gols no primeiro tempo, o Tigre permitiu o crescimento do América-RN na etapa complementar e passou sufoco para conseguir a surpreendente goleada por 4 a 1, neste sábado, no Nazarenão.

Mesmo com a pressão sofrida, a torcida que compareceu ao estádio não se intimidou e fez a festa com o retorno da equipe para a vice-liderança da competição nacional.O time se aproveitou da derrota do Vitória para o Guaratinguetá e alcançou os 71 pontos. A distância para a ponta, contudo, continua inalterada, uma vez que o Goiás alcançou os 74 neste sábado.

Já o América-RN continua sem pretensões nesta temporada e apenas cumpre tabela para terminar o ano em uma posição honrosa. Os alvirrubros chegaram aos 55 pontos e permanecem na zona intermediária do torneio. O próximo jogo dos potiguares será disputado no sábado, 17, contra o América-MG, ao mesmo tempo em que os catarinenses farão o ‘jogo de seis pontos’ com o Atlético-PR.

O Jogo - Melhor em campo durante toda a etapa inicial, o Criciúma foi para cima do América-RN e abriu alguns espaços em seu setor defensivo. Enquanto pressionava o time adversário com a posse de bola, o goleiro Michel Alves trabalhava bem atrás e assegurava a igualdade no marcado. A primeira grande chance dos donos da casa veio aos 11 minutos, em desvio de escanteio defendido pelo arqueiro.

Arte GE.Net
Com o bom volume de jogo apresentado no meio-campo, o Tigre não demorou para responder aos mandantes e abrir a contagem. Aos 12 minutos, Lins fez o cruzamento rasteiro para a frente do gol e Marlon perdeu um gol incrível. Já aos 19, o zagueiro Nirley apareceu bem no ataque e subiu mais alto que os defensores para anotar o primeiro gol dos catarinenses.

Sem sofrer com o perigo proporcionado pelos adversários, o Criciúma se manteve à frente e marcou o segundo com o artilheiro Zé Carlos. O atacante recebeu cruzamento de Lins e se antecipou à marcação para superar Dida novamente. O lance comprovou a superioridade visitante e manteve Michel Alves tranquilo para organizar a defesa nas raras investidas dos potiguares.

Contudo, o panorama do jogo mudou bruscamente no segundo tempo. Os donos da casa resolveram acordar e partiram para cima do seu indigesto oponente. Com intensa movimentação, o clube de Natal envolvia os rivais e embalava o torcedor no Nazarenão. Aos 11 minutos, a primeira chegada na etapa complementar quase foi concluída por Lúcio.

Enquanto Michel Alves sofria com os seguidos cruzamentos e investidas do América-RN, o técnico Paulo Comelli orientava a equipe na beirada do campo e promovia alterações para tornar o seu time mais ofensivo. No entanto, os mandantes não se intimidaram e conseguiram o gol aos 23, em cruzamento que o zagueiro Cleber concluiu para as redes.

A tensão do Tigre ficou ainda mais evidente aos 33 minutos, quando Michel Alves precisou se esticar todo para impedir que o cruzamento de Wanderson igualasse o marcador. Enquanto a torcida potiguar pressionava e ofendia os atletas no banco de reserva tricolor, o Criciúma tentava respirar e chegava ao gol em uma cobrança de falta. Aos 36, Ozéia bateu falta na entrada da área e estufou o canto de Dida.

O tento foi um verdadeiro balde de água fria na cabeça do América-RN. O time abdicou do ataque e se conformou de vez com a derrota após Douglas subir ao ataque. Quando o marcador apontava 40 minutos, o atacante recebeu outro grande passe de Lins, invadiu a área potiguar e tocou com qualidade para vencer o arqueiro rival e transformar os obstáculos enfrentados em uma verdadeira goleada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade