Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Vetado do Mundial, Guilherme ganha apoio dos companheiros

Marcos Guedes São Paulo (SP)

A resposta negativa da Fifa deixou Guilherme bastante chateado. Substituído por Willian Arão na lista de 23 jogadores que defenderão o Corinthians no Mundial porque chegou ao clube após o fechamento da janela de transferências internacionais, o volante recebeu o apoio dos companheiros.

Vários atletas do grupo bateram um papo com o camisa 35, que só voltará a atuar na próxima temporada. Ele recebeu o terceiro cartão amarelo no empate do Timão com o Santos e está fora do clássico contra o São Paulo, no domingo, válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

"É ruim a situação, né? Ainda mais em uma lista como essa, com todo o mundo empolgado para jogar o Mundial. O pessoal ficou triste, procurou conversar com ele", contou o meio-campista Danilo.

O Corinthians já havia sido alertado pela Fifa de que o atleta não tinha condições de atuar no Japão, motivo pelo qual Tite – na ausência de Ralf – testou Anderson Polga como cabeça de área no início do confronto com o Peixe. Mesmo assim, o clube fez nova tentativa de explicar que Guilherme chegou da Portuguesa, em uma transferência nacional.

Divulgação/Agência Corinthians
O volante Guilherme, suspenso do clássico contra o São Paulo, só voltará a atuar em 2013
Não houve sucesso, e coube ao diretor de futebol alvinegro, Roberto de Andrade, dar a má notícia a ele. Assim, Willian Arão ficou com a última vaga na delegação alvinegra que embarcará para Dubai – onde fará uma parada e treinará no caminho para o Mundial – na noite de segunda-feira.

Arão ganhou sua medalha da Copa Libertadores em condições semelhantes. Sem confiar nas condições físicas de Paulo André, que se recuperava de cirurgia no joelho, Tite resolveu inscrever o volante nas semifinais da competição. Ele acabou não entrando em campo, mas ficou na lista dos campeões.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade